Divulgação/Universal Pictures

“Dear Evan Hansen” vai abrir Festival de Toronto 2021

Os organizadores do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF, na sigla em inglês) anunciaram os primeiros títulos selecionados para a edição deste ano, incluindo os filmes de abertura e encerramento.

O festival canadense, que acontecerá de 9 a 18 de setembro, será aberto pelo musical “Dear Evan Hansen”, adaptação de um espetáculo de sucesso da Broadway dirigida por Stephen Chbosky (“Extraordinário”), e encerrado por “One Second”, drama sobre um cinéfilo assinado pelo mestre chinês Zhang Yimou (“Herói”).

A relação dos primeiros títulos incluiu algumas obras exibidas no recente Festival de Cannes, como “The Worst Person in the World” e “Bergman Island”, mas também novos lançamentos de diretores como Edgar Wright, Melanie Laurent, Barry Levinson, Antoine Fuqua, Jacques Audiard, Terence Davies e Ted Melfi.

“Não há dúvida de que ‘Dear Evan Hansen’ é o filme ideal para lançar o festival este ano”, disse o diretor artístico do festival, Cameron Bailey, em comunicado. “Este filme é basicamente sobre cura, perdão e reafirma o quão essenciais e conectados somos uns dos outros. Não poderíamos pensar em uma ideia mais importante para comemorar neste ano, quando nos reunimos mais uma vez para compartilhar o poder e a alegria dos filmes nos cinemas”.

Já o filme de encerramento, assinado por Zhang Yimou é considerado pelos organizadores uma carta de amor ao cinema e uma lembrança de como é possível unir pessoas, apesar de suas diferenças.

“Todo mês de setembro, convidamos o mundo cinematográfico a vir a Toronto, uma das cidades mais loucas por cinema do mundo”, disse Bailey. “E ter este filme de Zhang Yimou aqui, agora, é uma verdadeira alegria.”

Veja abaixo o trailer legendado de “Dear Evan Hansen” e a lista provisória (mais títulos serão anunciados) dos filmes confirmados no Festival de Toronto deste ano.

Apresentações de Gala

“Dear Evan Hansen” (EUA), de Stephen Chbosky – première mundial
“One Second (China), de Zhang Yimou – première norte-americana
“Belfast” (Reino Unido), de Kenneth Branagh – première mundial
“Clifford: O Gigante Cão Vermelho” (EUA), de Walt Becker – première mundial
“The Electrical Life of Louis Wain” (Reino Unido), de Will Sharpe – première canadense
“The Eyes of Tammy Faye” (EUA), de Michael Showalter – première mundial
“Jagged” (EUA), de Alison Klayman – première mundial
“Noite Passada em Soho” (Reino Unido), de Edgar Wright – première norte-americana
“The Mad Women’s Ball” (França), de Mélanie Laurent – première mundial
“Night Raiders” (Canadá/Nova Zelândia), de Danis Goulet – première norte-americana
“The Survivor” (EUA), de Barry Levinson – première mundial

Apresentações Especiais
“Ali & Ava” (Reino Unido), de Clio Barnard – première norte-americana
“All My Puny Sorrows” (Canadá), de Michael McGowan – première mundial
“Benediction” (Reino Unido), de Terence Davies – première mundial
“Bergman Island” (França), de Mia Hansen-Løve – première internacional
“Charlotte” (Canadá/França), de Eric Warin e Tahir Rana – première mundial
“Dionne Warwick: Don’t Make Me Over” (EUA), de Dave Wooley e David Heilbroner – première mundial
“Drive My Car” (Japão), de Ryusuke Hamaguchi – première norte-americana
“Encounter” (Reino Unido), de Michael Pearce – première internacional
“The Guilty” (EUA), de Antoine Fuqua – première mundial
“I’m Your Man” (Alemanha), de Maria Schrader – première norte-americana
“Inexorable” (Bélgica/França), de Fabrice du Welz – première internacional
“Lakewood” (Canadá), de Phillip Noyce – première mundial
“The Middle Man” (Noruega/Canadá), de Bent Hamer – première mundial
“Official Competition” (Espanha/Argentina), de Mariano Cohn e Gastón Duprat – première norte-americana
“Paris, 13th District” (França), de Jacques Audiard – première norte-americana
“Petite Maman” (França), de Céline Sciamma – première canadense
“The Starling” (EUA), de Theodore Melfi – première mundial
“The Story of My Wife” (Hungria/Alemanha), de Ildikó Enyedi – première norte-americana
“Three Floors” (Itália), de Nanni Moretti – première norte-americana
“Violet” (EUA), de Justine Bateman – première internacional
“The Worst Person In The World (Noruega/França/Dinamarca), de Joachim Trier – première norte-americana