Divulgação/Warner

Mortal Kombat ganha trailer sangrento “para maiores”

A Warner revelou o trailer da nova versão de “Mortal Kombat”. A prévia, repleta de lutas e sangue, foi exibida com rótulo vermelho (red band) nos EUA, indicando ser para maiores. A violência, entretanto, faz parte do game original em que a produção se baseia, sucesso entre adolescentes dos anos 1990. Já o outro aspecto marcante do trailer, os palavrões, foi simplesmente ignorado nas legendas em português.

Em relação à trama, o vídeo aponta que, desta vez, a história terá como protagonista o lutador de MMA Cole Young (vivido por Lewis Tan, de “Into the Badlands”). Ele surge sem fazer ideia do significado da marca do dragão, que carrega na pele como tatuagem, nem por que Sub-Zero está atrás dele para exterminá-lo.

Ao descobrir que o sinal de nascença sinaliza que ele está destinado a competir em um torneio lendário, ele busca a orientação de Lorde Raiden para treinar ao lado de guerreiros como Sonya Blade, Liu Kang, Kung Lao e Kano para o Mortal Kombat.

O elenco também destaca Ludi Lin (“Power Rangers”), Mehcad Brooks (“Supergirl”), Sisi Stringer (“Colheira Maldita”), Tadanobu Asano (“Midway – Batalha em Alto Mar”), Josh Lawson (“House of Lies”), Jessica McNamee (“Megatubarão”), Max Huang (“Operação Zodíaco”), Chin Han (“Marco Polo”), Hiroyuki Sanada (“Westworld”) e Joe Taslim (“The Raid – Operação Invasão”).

A produção está a cargo de James Wan (diretor de “Invocação do Mal” e “Aquaman”), que contratou o pouco experiente Simon McQuoid para dirigir o longa, a partir de um roteiro desenvolvido por Dave Callaham (“Os Mercenários”) e Oren Uziel (“Anjos da Lei 2”).

Vale lembrar que a franquia já rendeu dois filmes nos anos 1990. O primeiro foi dirigido por Paul W.S. Anderson (franquia “Resident Evil”) em 1995 e é considerada a primeira adaptação bem-sucedida de um videogame. A sequência, “Mortal Kombat: Aniquilação” (1997), ficou a cargo de John R. Leonetti, que por coincidência trabalhou com James Wan como diretor de fotografia de “Invocação do Mal” (2013). Mas o filme foi um fracasso. Depois disso, veio uma série de TV, “Mortal Kombat: Conquest”, com apenas uma temporada em 1998, e a série de streaming de Kevin Tancharoen, “Mortal Kombat: Legacy”, que durou duas temporadas em 2011 e 2012.

Antes marcado para janeiro, o filme chegou a sair do calendário, ressurgindo somente após mudança de estratégia da Warner para enfrentar a pandemia. O novo “Mortal Kombat” vai chegar simultaneamente aos cinemas e na HBO Max em 16 de abril nos EUA. No Brasil, o lançamento está marcado para um dia antes, em 15 de abril, apenas nos cinemas.