Divulgação/Stage 6 Films,

Thriller digital Buscando… vai ganhar sequência

O estúdio Stage 6 Films, uma divisão da Sony, fechou contrato com a dupla Will Merrick e Nick Johnson para desenvolver uma sequência do thriller digital “Buscando…”, um sucesso inesperado de cinema estrelado por John Cho em 2018.

Merrick e Johnson trabalharam como editores no filme original e farão suas estreias nas novas funções em longa-metragem – embora já tenham escrito e dirigido curtas.

O acordo mantém a equipe criativa intacta. O filme está sendo produzido pelo cineasta Timur Bekmambetov, que produziu o primeiro filme, e teve sua premissa concebida por Aneesh Chaganty e Sev Ohanian, roteiristas do longa original. Chaganty, por sinal, foi o diretor de “Buscando…”.

O novo filme contará uma história diferente e com novos personagens. O enredo ainda está em segredo, mas manterá o mesmo formato de suspense digital, retratando a trama nas telas dos dispositivos dos personagens – de computadores a celulares.

O original trouxe Cho como um pai que invade o computador de sua filha quando ela desaparece, em uma tentativa desesperada de localizá-la.

“Com esses parâmetros visuais restritivos, um filme como ‘Buscando…2′ requer um novo estilo visual para separá-lo do original”, disse Chaganty, em comunicado. “Eu contribuí com o que pude para este subgênero em crescimento. Mas se há alguém no planeta com potencial para levar isso ainda mais longe é Nick e Will, que estiveram lá desde o início. ”

Bekmambetov, que é o pioneiro do movimento Screenlife (que reproduz a maneira como as pessoas veem o mundo através de seus dispositivos eletrônicos) acrescentou: “’Buscando…’ é até agora o filme de maior sucesso rodado no formato Screenlife e a sequência está prestes a se tornar um marco histórico. O que parecia uma técnica experimental há alguns anos ganhou um grande impulso agora, com mais e mais profissionais da indústria se voltando para essa técnica de produção de filmes digitais”.

O motivo do sucesso do formato tem a ver com a popularização do Zoom e as restrições causadas pela pandemia de coronavírus.

Johnson e Merrick são jovens formados pela USC (Universidade do Sul da Califórnia) que estrearam em longa-metragem como editores e “diretores de fotografia virtual” de “Buscando…”. Rodado por apenas UD$ 1 milhão, o filme foi adquirido por um bom valor pela Sony durante o Festival de Sundance de 2018 e lançado mundialmente no mesmo ano. Os críticos amaram a edição e o estilo visual do filme, que arrecadou US$ 75 milhões em todo o mundo, gerando um lucro enorme para o estúdio.

Os dois voltaram a trabalhar com Aneesh Chaganty em um novo thriller, “Run”, lançado pela plataforma americana de streaming Hulu em novembro passado.

Veja abaixo o trailer legendado do filme original.