Divulgação/Netflix

O Método Kominsky: Alan Arkin não fará última temporada da série

O ator Alan Arkin não vai participar da 3ª e última temporada de “O Método Kominsky”.

De acordo com um representante da produção, a decisão de Arkin de abandonar a série foi feita “algum tempo atrás”, e a saída de seu personagem será abordada no enredo da temporada. Segundo o site Deadline, que foi o primeiro a dar a notícia, Arkin decidiu deixar o programa antes que a pandemia de coronavírus atingisse a indústria da televisão.

Arkin co-estrelou as duas temporadas exibidas como Norman Newlander, o agente e amigo do personagem de Michael Douglas, Sandy Kominsky. O papel lhe rendeu duas indicações ao Emmy como Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia (que ele perdeu para Daniel Levy de “Schitt’s Creek” na cerimônia do domingo passado), bem como duas indicações consecutivas ao Globo de Ouro.

Criada por Chuck Lorre (“The Big Bang Theory”), a série acompanha Sandy Kominsky (Douglas), que teve um breve sucesso no passado e agora é preparador de elencos e professor de teatro. Apesar de não atuar mais, ele ainda era acompanhado por Norman (Arkin), seu antigo agente que, na falta de outras pessoas em sua vida, vira também seu melhor amigo.

A série originalmente registrava os altos e baixos dessa amizade.

O elenco da atração também inclui Sarah Baker (“Young Sheldon”) como a filha de Sandy e Nancy Travis (“Last Man Standing”) como Lisa, uma das alunas de teatro de Sandy.

A temporada final foi anunciada em julho, mas ainda não há previsão para sua exibição.

Junto com “O Método Kominsky”, a Netflix encomendou temporadas finais para várias de suas séries mais conhecidas e premiadas, incluindo o thriller criminal “Ozark”, a comédia de humor negro “Dead to Me” (infelizmente chamada de “Disque Amiga para Matar” no Brasil), “Lucifer” e “O Mundo Sombrio de Sabrina”.