Divulgação/Icon

Mel Gibson passou uma semana internado em hospital com covid-19

O ator e diretor Mel Gibson passou uma semana internado em um hospital de Los Angeles em abril, depois de testar positivo para covid-19, revelou seu porta-voz nesta sexta-feira (24/7).

O representante garante que o astro de 64 anos já se recuperou completamente e está “ótimo”, após sua breve estadia, acrescentando que desde então ele testou “inúmeras vezes” negativo para o coronavírus.

Gibson procurou manter o tratamento em sigilo até ter alta e superar a doença.

Ele é o mais recente de uma longa lista de figuras públicas que revelaram diagnósticos e recuperações de coronavírus nos EUA, incluindo Tom Hanks, Rita Wilson e a cantora Pink.

Para a maioria das pessoas, o novo coronavírus causa sintomas leves ou moderados, como febre e tosse, que desaparecem em duas a três semanas. Mas para outras, especialmente adultos mais velhos e pessoas com problemas de saúde, pode causar doenças mais graves e ser fatal.

Os EUA têm atualmente mais de 4 milhões de casos identificados de coronavírus, que geraram mais de 140 mil mortes, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins. É o país mais afetado pela covid-19 em todo o mundo, seguido pelo Brasil – com 2,2 milhões de casos e 84 mil mortes até a presente data.