Chernobyl é o grande vencedor da premiação técnica do BAFTA TV

A minissérie “Chernobyl” foi a grande vencedora do prêmio BAFTA TV Craft, que comemora os talentos britânicos por trás das câmeras de TV, numa cerimônia realizada pela primeira vez virtualmente.

A coprodução do canal pago americano HBO e do britânico Sky conquistou vitórias em sete categorias. Num segundo lugar bem distante, outra coprodução da HBO, “His Dark Materials”, realizada em parceria com a BBC, arrecadou dois prêmios.

Os vencedores foram anunciados pelo ator Stephen Mangan (“Episodes”), que apresentou o evento isolado em um estúdio, com transmissão ao vivo nos canais de mídia social do BAFTA (abreviatura da Academia Britânica de Artes Televisivas e Cinematográficas).

A entrega dos prêmios técnicos deveriam ter sido feita inicialmente em abril, mas foi adiada devido ao coronavírus e finalmente transferida para um formato online.

A premiação é uma prévia da cerimônia principal do BAFTA TV, que está marcada para o dia 31 de julho. Este evento também será realizado em um estúdio fechado, seguindo regras de distanciamento social.

Veja abaixo o vídeo da transmissão da premiação e a lista completa dos vencedores do BAFTA TV Craft.

Talento Inovador
Aisling Bea (roteirista) – “This Way Up”

Diretor: Factual
Arthur Cary – “The Last Survivors”

Diretor: Ficção
Johan Renck – “Chernobyl”

Diretor: Multi-Câmera
Janet Fraser Crook – “Glastonbury 2019”

Escritor: Comédia
Jamie Demetriou – “Stath Lets Flats”

Escritor: Drama
Jesse Armstrong – “Succession”

Edição: Factual
Michael Harte – “Don’t F**K With Cats: Hunting An Internet Killer”

Edição: Ficção
Simon Smith, Jinx Godfrey – “Chernobyl”

Equipe Técnica de Entretenimento
David Bishop, Vicky Gill, Andy Tapley, Patrick Doherty – “Strictly Come Dancing”

Maquiagem e Cabelos
Loz Schiavo – “Peaky Blinders”

Música Original
Hildur Gudnadóttir – “Chernobyl”

Fotografia: Factual
Bertie Gregory, Howard Bourne, John Shier – “Seven Worlds, One Planet”

Fotografia: Ficção
Jakob Ihre – “Chernobyl”

Design de Produção
Luke Hull, Claire Levinson-Gendler – “Chernobyl”

Figurino
Odile Dicks-Mireaux – “Chernobyl”

Seleção de Elenco
Des Hamilton – “Top Boy”

Som: Factual
Equipe de Som – “Battle of the Brass Bands”

Som: Ficção
Equipe de “Chernobyl”

Efeitos Especiais, Visuais e Gráficos
Framestore, Painting Practice, Real Sfx, Russell Dodgson – “His Dark Materials”

Créditos e Identidade Gráfica
Elastic, Painting Practice – “His Dark Materials”