Disney doa US$ 5 milhões para organizações que lutam por justiça social e igualdade racial nos EUA

A Walt Disney Company se comprometeu a doar US$ 5 milhões para organizações que visam promover a justiça social e a igualdade racial nos EUA. O anúncio acontece em meio à grande onda de manifestações que vem acontecendo no país após o assassinato de George Floyd, sufocado por policiais brancos na rua, em plena luz do dia.

Parte dessa doação (US$ 2 milhões) será destinada a NAACP (National Association for the Advancement of Colored People), a mais antiga entidade dedicada ao combate do racismo, fundada em 1909. Outra parte dos recursos será direcionada a organizações indicadas por funcionários da companhia.

“O assassinato de George Floyd forçou nossa nação, mais uma vez, a confrontar a longa história de injustiça que as pessoas negras sofrem nos EUA e é fundamental que permaneçamos juntos, falando e fazendo tudo o que for possível para garantir que atos de racismo e violência nunca mais sejam tolerados”, disse Bob Chapek, CEO da The Walt Disney Co., em uma mensagem postada no blog oficial da empresa. “Essa doação de US$ 5 milhões continuará apoiando os esforços de organizações sem fins lucrativos, como a NAACP, que vem trabalhando incansavelmente para garantir equidade e justiça”, disse.

No post, a Disney ainda mencionou já ter doado milhões de dólares na forma de bolsas de estudo para estudantes de grupos subrepresentados, incluindo um montante de US$ 2,5 milhões para o United Negro College Fund.

A Disney também usou sua programação televisiva para ajudar a promover a discussão sobre racismo e opressão nos Estados Unidos. Nesta semana, a ABC News exibiu um especial sobre os protestos em torno da morte de George Floyd chamado “America in Pain: Whats Comer Next”, o Disney Channel lançou uma campanha de conscientização para crianças e adolescentes e a rede ABC programou dois episódios antigos de “Black-ish” com o tema do racismo, sendo um deles focado na violência policial contra negros nos EUA.