Criadora de Orange Is the New Black fará série sobre o distanciamento social da covid-19

A produtora-roteirista Jenji Kohan, criadora da série “Orange is the New Black”, vai produzir uma antologia sobre a vida durante a pandemia de covid-19.

Com o nome de “Social Distance” (Distanciamento Social, em tradução literal), o projeto é uma nova parceria com a Netflix e está sendo descrito como um diário visual do momento atual.

“Nosso trabalho como contadores de histórias é refletir a realidade e, nesta nova realidade bizarra e desconcertante que estamos vivendo, sentirmos paixão por encontrar conexão, já que todos permanecemos à distância”, explicou a produtora, em comunicado. “Fomos inspirados a criar uma série de antologias que conta histórias sobre o momento atual em que vivemos – histórias únicas, pessoais e profundamente humanas que ilustram como estamos vivendo separados. Estamos nos desafiando a fazer algo novo: criar e produzir virtualmente para que nosso elenco e equipe possam permanecer saudáveis”.

Os capítulos serão feitos com interação apenas por meio de videoconferência entre o elenco e a equipe técnica. Por conta da quarentena, o projeto necessitará que os atores façam mais que atuar. Eles também terão que gravar todas as cenas, cuidar da iluminação, da cenografia (a arrumação), do set (suas casas) e outros detalhes da produção.

Apesar da iniciativa, “Social Distance” não é o primeiro projeto de antologia da pandemia. Há duas semanas, a HBO Europa anunciou a produção de uma série espanhola “da quarentena”, chamada “En Casa”, com episódios independentes de até 15 minutos filmados por cinco cineastas espanhóis em suas casas, e o canal britânico ITV encomendou uma atração com a mesma premissa para o produtor Jeff Pope (“Stan & Ollie”), chamada “Isolation Stories”.

Ainda não há previsão para a estreia de nenhuma dessas séries.