Messiah: Netflix cancela série sobre “segunda vinda de Cristo”

A Netflix cancelou a série “Messiah” após a 1ª temporada. Como a empresa só anuncia o que é positivo, a notícia do cancelamento foi dada pelo ator Wil Traval, que revelou o destino da série em seu Instagram na quinta-feira (26/3).

“Hoje é um dia muito triste”, escreveu ele. “Acabei de receber a notícia da Netflix de que não haverá a 2ª temporada de ‘Messiah’. Gostaria de agradecer a todos os fãs por seu apoio e amor. Queria que as coisas fossem diferentes”.

Segundo fontes do site Deadline, ‘Messiah’ era um tipo de produção impossível de resistir à pandemia de coronavírus. Além de um grande elenco internacional, a atração era gravada em vários países ao redor do mundo, o que já seria extremamente difícil de realizar em qualquer momento, mas impossível durante uma crise sanitária global.

Além disso, a série enfrentou controvérsias. Desde seu primeiro trailer, “Messiah” provocou reações negativas em setores religiosos, inspirando uma petição por seu boicote. A Royal Film Commission da Jordânia chegou a vetar a exibição da atração, após apoiar suas gravações no país predominantemente muçulmano.

Criada pelo belga Michael Petroni (roteirista de “A Menina que Roubava Livros”) e produzida pelo casal americano Mark Burnett e Roma Downey, responsável por várias produções cristãs, como a série “A Bíblia” e o remake de “Ben-Hur”, “Messiah” acompanha o surgimento de um homem milagroso que poderia representar o Segundo Advento – a segunda vinda de Cristo.

Quando este homem, conhecido por alguns como Al-Masih, passa a atrair maior atenção e seguidores internacionais durante atos de perturbação pública, uma oficial da CIA embarca em uma missão global de alto risco para descobrir se ele é uma entidade divina ou um trapaceiro enganador.

A série traz o belga Mehdi Dehbi (da série “Tyrant”) no papel-título e ainda destaca em seu elenco Michelle Monaghan (“Missão: Impossível – Efeito Fallout”), Jane Adams (“Hung”), John Ortiz (“Bumblebee”), Melinda Page Hamilton (“Damnation”), Stefania LaVie Owen (“Chance”), Tomer Sisley (“Família do Bagulho”), Dermot Mulroney (“Álbum de Família”), Beau Bridges (“Homeland”) e o mencionado Wil Traval (“Jessica Jones”).