John Legend, Chris Martin, Keith Urban, Pink e outros artistas transformam quarentena em palco de shows virtuais

Em meio à quarentena forçada de milhões de pessoas ao redor do mundo, alguns artistas tiveram a ideia de usar seus talentos para melhorar o humor dos fãs.

Os shows virtuais foram inciados com uma postagem nas redes sociais de Chris Martin, vocalista do Coldplay, que revelou estar num país diferente do resto da banda. Com 30 minutos de duração, o pocket show teve direito até a cover de “Life on Mars”, do lendário David Bowie.

John Legend pegou a deixa. “Meu amigo Chris Martin fez um adorável concerto caseiro e eu vou também vou fazer um”, disse Legend ao anunciar seus planos no Twitter.

“O distanciamento social é importante, mas isso não significa que deve ser chato. Fiz uma apresentação em casa para ajudar a elevar seu ânimo”, acrescentou o cantor e pianista, ao deixar disponível sua performance, acompanhado da esposa Chrissy Teigen – vestida apenas com uma toalha – , no Instagram.

Keith Urban logo pegou a deixa e lançou sua “InstaBand” também com um vídeo de 30 minutos.

Outros artistas, como o soulman Ellis Hall e Charlie Puth se inspiraram na iniciativa, mas, por enquanto, postaram apenas uma música. Até o ator Toby Sebastian, que interpretou Trystane Martell em “Game of Thrones”, entrou na série de performances domésticas. Mas a melhor ideia foi de Pink, que também está aproveitando para aprender a tocar piano. Veja abaixo.

As performances ganharam apoio e estão sendo estimuladas pela OMS (Organização Mundial de Saúde), em parceria com o festival Global Citizen, sob a hashtag #togetherathome (juntos em casa).

Ver essa foto no Instagram

#InstaBand

Uma publicação compartilhada por Keith Urban (@keithurban) em

Ver essa foto no Instagram

Bored at home practicing some high notes…

Uma publicação compartilhada por Charlie Puth (@charlieputh) em

Ver essa foto no Instagram

To make you feel my love 😍 rehearsals

Uma publicação compartilhada por P!NK (@pink) em