Sharon Stone processa rapper Chanel West Coast pelo clipe “Sharon Stoned”



Sharon Stone resolveu processar a rapper Chanel West Coast, alegando que ela arruinou sua imagem com a música “Sharon Stoned”.

A atriz entrou com uma ação contra a música e o clipe de “Sharon Stoned”, que pode ser visto abaixo, por se apropriar de sua imagem, ao copiar as performances de seus papéis mais famosos.

Ela afirma que o vídeo não passa de uma exploração de seu trabalho árduo ao longo dos anos, depois de estrelar filmes de sucesso como “Instinto Fatal”, “Cassino”, “Vingador do Futuro” e outros.

Stone também acusou Chanel West Coast, nascida Chelsea Chanel Dudley, de usar seu nome para forjar influência, dizendo que a rapper “procurou desesperadamente obter credibilidade e estatura na comunidade do hip-hop”. Como não conseguiu, “tentou melhorar sua estatura como rapper invocando e comercializando o status de celebridade e fama de outras pessoas”, diz a ação, aberta pelo advogado Gary A. Hecker em nome da atriz.

A estrela também enumerou o número de vezes que Chanel West Coast repete seu nome e sobrenome na música: 33 vezes, sem contar as 99 vezes em que o nome “Sharon” é pronunciado.


Mas o descontentamento de Sharon Stone com Chanel West Coast não se resume ao uso indevido de sua imagem num clipe. A rapper também está promovendo a venda de apetrechos de maconha com a marca “Sharon Stoned”. Isso implica exploração de direitos autorais para venda de produtos que ela não autorizou e pelos quais ela não ganha nada.

Por conta disso, o processo também pede indenização por perdas e danos.

Confira abaixo o vídeo de “Sharon Stoned”, que também conta com participação do lendário rapper Redman e do ator Michael Rapaport (“Atypical”).



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings