Assalto sofrido por Kim Kardashian em Paris vai virar filme

O cineasta e artista de quadrinhos Joann Sfar, que dirigiu a cinebiografia “Gainsbourg, o Homem que Amava as Mulheres” (2010) e a animação “O Gato do Rabino” (2011), vai transformar em filme o assalto que Kim Kardashian sofreu em um hotel em Paris, em 2016. Ele também abordou o tema em uma revista em quadrinhos, que será publicada em março de 2020.

Kardashian foi assaltada quando esteve na capital francesa para acompanhar a Paris Fashion Week. Ela foi algemada, amordaçada e trancada no banheiro do quarto do hotel em que estava hospedada durante o assalto. Os ladrões levaram um anel no valor de US$ 4,4 milhões, um cofre com joias avaliado em US$ 5,5 milhões e fugiram de bicicleta.

Sfar está escrevendo o roteiro em parceria com Marion Festraets (criadora da série “Chefs”) e também será o diretor do longa, que ele classifica como uma comédia. Intitulado “Fashion Week”, o filme tocará em temas como violência contra a mulher, relacionamento entre pessoas de diferentes classes sociais e questões sobre o mundo da moda.

A história vai acompanhar um grupo de ladrões que planejam roubar uma importante influencer durante a viagem dela para Paris para acompanhar a Fashion Week na capital francesa. Provavelmente, o nome de Kardashian não será utilizado na trama.