Dublê entra em coma após acidente em filmagens de Velozes e Furiosos 9

As filmagens de “Velozes e Furiosos 9” foram suspensas nos estúdios Leavesden, no Reino Unido, após um acidente deixar um dublê ferido na segunda-feira (23/7). O estúdio Universal, que produz os filmes da franquia, confirmou o ocorrido com um comunicado.

“Uma ambulância, três atendentes de primeiros socorros e veículos aéreos foram até os estúdios Leavesden após uma ligação reportando um homem ferido em uma queda. Um paciente com um grave ferimento na cabeça foi transportado para Royal London Hospital de helicóptero”, disse o comunicado oficial.

Segundo o site do Deadline, o dublê John Watts está em coma induzido no Royal London Hospital, próximo aos estúdios Leavesden, no Reino Unido.

Watts era dublê de Vin Diesel na produção, que teria visto o que aconteceu e entrado em choque. O dublê estava gravando uma cena de ação quando caiu de uma plataforma elevada seis metros acima do chão.

Apesar disso, as filmagens do longa foram retomadas nesta terça no mesmo local.

Além da franquia “Velozes e Furiosos”, Watts também trabalhou em “Star Wars: Os Últimos Jedi”, “Homem-Aranha: Longe de Casa”, além da série “Game of Thrones” e muitas outras produções.

Além do elenco tradicional da franquia, liderado por Vin Diesel, a continuação terá outro retorno importante: o diretor Justin Lin, que dirigiu quatro filmes da marca bem-sucedida – “Velozes e Furiosos – Desafio em Tóquio” (2006), “Velozes e Furiosos 4” (2009), “Velozes e Furiosos 5: Operação Rio” (2011) e “Velozes e Furiosos 6” (2013).

A história foi desenvolvida por Chris Morgan, roteirista da saga desde a estreia de Justin Lin em 2006, com o roteiro final a cargo de Daniel Casey (da recente sci-fi “Kin”).

A estreia está marcada para maio de 2020.