Ator da série Warrior vai viver Sub-Zero no novo filme de Mortal Kombat



O ator indonésio Joe Taslim foi escalado num dos papéis mais icônicos dos games de “Mortal Kombat” no novo filme da franquia. Ninguém menos que o lutador superpoderoso Sub-Zero.

Ele ficou conhecido justamente por conta de suas habilidades de luta demonstradas no cultuadíssimo “Operação Invasão” (The Raid, 2011). O sucesso do filme lhe abriu as portas em Hollywood e ele já apareceu em filmes das sagas “Velozes e Furiosos” e “Star Trek”, além de integrar o elenco da série “Warrior” – exibida no Brasil pelo canal pago Max Prime.

Taslim é o primeiro nome confirmado na produção, que será o primeiro filme do veterano diretor de comerciais Simon McQuoid. A produção está a cargo de James Wan (diretor de “Invocação do Mal” e “Aquaman”) e as filmagens vão acontecer ainda este ano na Austrália.

A ideia de resgatar “Mortal Kombat” circula por Hollywood desde 2011, quando a Warner contratou o diretor Kevin Tancharoen, após o sucesso de seu vídeo do YouTube “Mortal Kombat: Rebirth”. O projeto acabou rendendo uma série para o YouTube, mas o filme nunca saiu do papel, levando Tancharoen a buscar “outras oportunidades criativas”.



Wan embarcou na produção em 2015, mas avisou que não iria apressar o desenvolvimento. Tanto que Simon McQuoid foi contratado para dirigir o filme em 2016, a partir de um roteiro desenvolvido por Dave Callaham (“Os Mercenários”) e Oren Uziel (“Anjos da Lei 2”).

A franquia já rendeu dois filmes nos anos 1990. O primeiro foi dirigido por Paul W.S. Anderson (franquia “Resident Evil”) em 1995 e é considerada a primeira adaptação bem-sucedida de um videogame.

A sequência, “Mortal Kombat: Aniquilação” (1997), ficou a cargo de John R. Leonetti, que por coincidência trabalhou com James Wan como diretor de fotografia de “Invocação do Mal” (2013). Mas o filme foi um fracasso.

Depois disso, a franquia também teve uma série de TV, “Mortal Kombat: Conquest”, com apenas uma temporada em 1998, e a série de streaming de Kevin Tancharoen, “Mortal Kombat: Legacy”, que durou duas temporadas em 2011 e 2012.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings