A Vida Invisível de Eurídice Gusmão vence novo prêmio internacional

Após vencer o prêmio de Melhor Filme da mostra Um Certo Olhar, no Festival de Cannes, “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão”, de Karim Aïnouz, foi premiado no Festival de Munique com o CineCoPro Award — destinado à melhor coprodução do cinema alemão com outros países.

Coprodução da brasileira RT Features com a alemã Pola Pandora, o filme recebeu 100 mil euros na premiação. A parceria entre as duas produtoras, iniciada com “Praia do Futuro” (2014), prevê um novo projeto, ainda confidencial, já em desenvolvimento.

“É o coroamento de uma colaboração de muitos anos com a Pola Pandora e The Match Factory, que participaram do projeto desde o desenvolvimento do roteiro, em parceria com a RT Features. Ao mesmo tempo, é fruto da política de investimento do governo brasileiro no cinema nacional nos últimos anos”. disse Karim, sobre o prêmio.

O produtor Rodrigo Teixeira também comemorou.

“Nesses anos todos em que venho trabalhando com o mercado internacional, sempre percebi o valor criativo que cooperações entre talentos de diferentes países trazem aos projetos. Os filmes nascem universais. Receber esse prêmio do Festival de Munique me faz ainda mais acreditar que o caminho para a produção é global e isso também passa pelo cinema brasileiro”.

Além de Cannes e Munique, o filme esteve nas seleções oficiais dos festivais de Sydney, do Midnight Sun, na Finlândia, de Karlovy Vary, na República Tcheca, e ainda será exibido no Transatlantyk Festival, na Polônia, e no Festival da Nova Zelândia.

Livre adaptação do romance homônimo de Martha Batalha, “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão” também vem recebendo elogios da imprensa internacional, em publicações de prestígio como as revistas americanas The Hollywood Reporter (que o relacionou como um dos 10 melhores filmes de Cannes) e Variety (para quem o filme é “um forte concorrente do Brasil na corrida ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro”), e atualmente registra 100% de aprovação no site Rotten Tomatoes.

Com estreia marcada para o dia 31 de outubro no Brasil, o filme traz Carol Duarte (“O Sétimo Guardião”) e Julia Stockler (série “Só Garotas”) como protagonistas, além de Gregório Duvivier (“Desculpe o Transtorno”), Nikolas Antunes (“Ilha de Ferro”), Flavio Bauraqui (“Impuros”) e Fernanda Montenegro (“Infância”) como a versão madura da personagem do título.