Produção de Riverdale é suspensa após morte de Luke Perry


O elenco e a equipe de produção de “Riverdale” foram dispensados das gravações da série nesta segunda (4/3), após a notícia da morte de Luke Perry, intérprete de Fred Andrews na atração.

Os produtores executivos de “Riverdale”, Greg Berlanti, Sarah Schechter, Roberto Aguirre-Sacasa e Jon Goldwater, emitiram uma declaração em conjunto com o estúdio WBTV e a rede The CW.

“Estamos profundamente tristes em saber hoje sobre a morte de Luke Perry. Membro amado da família de ‘Riverdale’, Warner Bros e CW, Luke era tudo o que você esperaria que ele fosse: um profissional incrivelmente atencioso e consumado com um coração gigante e um verdadeiro amigo para todos. Figura paterna e mentora do jovem elenco do programa, Luke foi incrivelmente generoso e infundiu no set amor e bondade. Nossos pensamentos estão com a sua família durante esse período difícil.”

O ator tinha 52 anos e morreu nesta manhã no St. Joseph’s Hospital, em Burbank, na Califórnia. Ele sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) no dia 27 de fevereiro e foi colocado em coma induzido, não conseguindo se recuperar.



O ator despontou para o estrelato com “Barrados no Baile”, que ficou no ar entre 1990 e 2000, onde interpretava o galã Dylan McKay. Em “Riverdale”, ele interpretava o pai do protagonista Archie (K.J. Apa).

Ele vinha gravando normalmente as cenas da série nos estúdios da Warner Bros, em Los Angeles e sua morte surpreendeu a todos.

Não há previsão para a série voltar a ser produzida. Os roteiristas ainda não pararam para imaginar como se dará a saída do personagem do ator da série.

Além de ter gravado episódios inéditos de “Riverdale”, Perry também finalizou sua participação no filme “Era uma Vez em Hollywood”, de Quentin Tarantino, que estreia em julho nos Estados Unidos.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings