Netflix cancela a série Luke Cage após duas temporadas



A Netflix cancelou sua segunda série da Marvel.

“Infelizmente, ‘Luke Cage’ não vai retornar para uma 3ª temporada”, afirmaram a Netflix e a Marvel numa declaração conjunta. “Todos na Marvel Television e na Netflix são gratos à dedicação do showrunner, dos roteiristas, elenco e equipe que deram vida ao herói do Harlem nas últimas duas temporadas. E também a todos os fãs que apoiaram a série”.

O cancelamento acontece uma semana após o anúncio de que a série “Punho de Ferro” não seria mais produzida na Netflix.

Desde então, fãs iniciaram uma caminha ruidosa nas redes sociais, com a hashtage #SaveIronFist (Salvem Punho de Ferro) e uma petição online, que já foi assinada por 28 mil pessoas.

Apesar da lamentação, ainda havia a expectativa de que os personagens de “Punho de Ferro” continuassem aparecendo em “Luke Cage”, após a revista Entertainment Weekly afirmar que eles continuariam a existir no universo das séries da Marvel.

Se esse caminho ficou inviável, por outro lado, o cancelamento de ambas as séries pode originar uma recombinação que as junte numa nova atração, já que os dois super-heróis do título já compartilharam uma publicação da Marvel. Esta é a versão esperançosa da notícia.



O fato é que os dois cancelamentos consecutivos podem ter consequências maiores para o negócio entre a Marvel e a Netflix.

“Demolidor” acaba de estrear sua 3ª temporada nesta sexta (20/10), “Jessica Jones” gravou os episódios de sua 3ª temporada, mas de forma suspeita viu sua criadora e showrunner sair para outros projetos, e a 2ª temporada de “Justiceiro” também está pronta. E não há nenhuma garantia de que estas séries irão continuar após os episódios já produzidos.

O site Deadline apurou que o problema de “Luke Cage” foi isolado e sem relação contratual com a Disney: as boas e velhas diferenças criativas. A Netflix teria rejeitado os roteiros da 3ª temporada. Supostamente, houve um desentendimento entre a plataforma e o showrunner Cheo Hodari Coker, que pode até ter resultado em demissão, ainda segundo o site, levando ao cancelamento.

A verdade é que há muitos detalhes dos bastidores dos dois cancelamentos que não vieram à público. E entre eles pode estar uma renegociação entre a Netflix e a Disney, que poderia estar querendo recuperar os títulos da Marvel e relançá-los em seu serviço de streaming.

A repercussão do cancelamento de “Luke Cage” deve começar a ser sentida ao longo do fim de semana.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings