Henry Cavill pode ter encerrado sua carreira como Superman


O Superman deve mudar de intérprete no cinema. Pelo menos é o que afirma a revista The Hollywood Reporter num artigo publicado nesta quarta-feira (12/9). De acordo com a apuração da publicação, Henry Cavill estaria rompido com a Warner Bros., o que significa que o ator não voltará mais a vestir sua capa vermelha.

Apesar de nenhuma das partes confirmar oficialmente, o THR afirma ter ouvido de fontes do estúdio que a carreira de Cavill como o Superman acabou após três filmes em que ele interpretou o super-herói. O ator vestiu a capa nas telas em “O Homem de Aço” (2013), “Batman vs Superman: A Origem da Justiça” (2016) e “Liga da Justiça” (2017).

O que teria motivado o rompimento foi uma negociação frustrada da Warner para uma aparição de Cavill como Superman em “Shazam!”, que estreia em abril. As conversas acabaram mal e o desentendimento teria sido tão grave que as portas para que ele voltasse a viver Superman novamente teriam sido fechadas.

Pouco depois da informação do site, a agente de Cavill, Dany Garcia, desmentiu a notícia. “Fiquem tranquilos, a capa ainda está no armário. A Warner foi e continua sendo uma parceira no desenvolvimento do universo DC. Aguardem por um comunicado mais tarde”.

A Warner soltou seu comunicado, que não teve o mesmo tom otimista. “Embora nenhuma decisão tenha sido tomada em relação aos próximos filmes do Superman, sempre tivemos grande respeito e um ótimo relacionamento com Henry Cavill, e isso permanece inalterado”, diz o texto oficial do estúdio sobre a polêmica.



De todo modo, o THR cometeu um erro crasso ao tentar dar contexto para a mudança, afirmando que o rompimento também passaria pelo filme da Supergirl, atualmente em desenvolvimento. A reportagem afirma que Superman teria que ser uma criança neste filme, o que não faz o menor sentido. Provavelmente quem escreveu o artigo nem sequer vê a série “Supergirl”.

Com esse tipo de argumentos, fica difícil dar muita credibilidade à apuração. Mesmo assim, é fato que a DC não tem planos para voltar a Superman, como diz o próprio comunicado da Warner. Não há previsão de lançamento de um novo filme solo do herói, nem mesmo um reencontro da Liga da Justiça.

Entretanto, havia, sim, planos para um encontro entre Superman e Adão Negro, que será vivido por Dwayne “The Rock” Johnson, no filme solo do vilão do universo de Shazam!. Cavill e Johnson estavam entusiasmados por isso, especialmente por terem a mesma agente – Johnson é ex-marido de Garcia e sócio dela em sua empresa de produção.

Enfim, as fontes que não conhecem Supergirl também garantem que há na Warner uma vontade de sacudir o universo DC para que ele atinja seu potencial, como a Marvel. Isso supostamente passaria por uma troca de atores, como Cavill e Ben Affleck, que viveu o Batman, além, claro, de realizadores.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings