Atores de Legion e Atlanta negociam estrelar remake de Brinquedo Assassino

O remake de “Brinquedo Assassino” pode ser estrelado por dois atores de séries do canal pago FX, Aubrey Plaza (“Legion”) e Brian Tyree Henry (“Atlanta”). Eles estão em negociações com a MGM para protagonizar a produção, segundo apurou o site Collider.

Roteiro e direção do projeto estão a cargo de dois profissionais que ainda não tiveram nenhum longa-metragem lançado nos cinemas: o roteirista Tyler Burton Smith, que escreve video games, e o diretor norueguês Lars Klevberg, cujo primeiro longa – “Morte Instantânea”, uma versão ampliada do curta “Polaroid” – ainda não tem previsão de estreia.

A produção será tocada por David Katzenberg e Seth Grahame-Smith, que produziram “It: A Coisa”.

Não há informações oficiais sobre o projeto, portanto todos os detalhes são rumores. Mas circula que a trama vai adaptar a história do clássico de 1988 para os dias atuais. Outra diferença é que Chucky será tecnologicamente avançado e seu alvo não será apenas um menino, mas um grupo de crianças, como as vítimas recentes de outra boneca famosa no cinema, Annabelle.

Plaza deve interpretar a mãe de um das crianças e Tyree Henry um detetive de polícia intrigado pelo caso.

Dirigido pelo mestre do terror Tom Holland, “Brinquedo Assassino” contava a história de um boneco chamado Chucky que era possuído pelo espírito do serial killer Charles Lee Ray (Brad Dourif) e passava a aterrorizar uma mãe e seu filho pequeno. O filme virou um clássico dos anos 1980 e deu origem a continuações intermináveis, que deram até mulher e filho para o psicopata de plástico – o mais recente, “O Culto de Chucky”, foi lançado em 2017.

O remake ainda tem data para estrear nos cinemas, mas paralelamente o estúdio também desenvolve uma série com o roteirista Don Mancini (de “Brinquedo Assassino” e todos os filmes seguintes), que seria continuação da franquia original.

Mais pipoca