Jeffrey Tambor é demitido de Transparent após denúncias de assédio



O ator Jeffrey Tambor está oficialmente fora de “Transparent”, anunciou a Amazon nesta quinta-feira (15/2). Cerca de três meses após ser acusado de assédio sexual, o protagonista da série foi demitido e não participará da 5ª temporada.

A decisão foi tomada após uma investigação interna, que apurou denúncia de uma ex-assistente de Tambor, Van Barnes, feita em uma publicação no seu perfil privado do Facebook, na qual relatava comportamento inadequado por parte do ator. Logo em seguida, a colega de elenco Trace Lysette acusou o ator de ter feito comentários sexuais e tentado abusar dela em ocasiões diferentes. Ambas são transexuais.

O ator de 73 anos, que venceu dois prêmios Emmy de Melhor Ator de Série de Comédia por “Transparent”, chegou a vir a público negar “de maneira contundente e veemente” qualquer tipo de comportamento inadequado. Mas, após a segunda denúncia, disse que sua permanência na série tinha se tornado insustentável. “Por conta da atmosfera politizada que parece ter afetado nosso set, eu não vejo como posso voltar a ‘Transparent'”, ele desabafou, em comunicado.

Em novo comunicado, refletindo a demissão do ator, a criadora da série disse respeitar e admirar as acusadoras de Tambor. “Eu tenho muito respeito e admiração por Van Barnes e Trace Lysette, cuja coragem em falar sobre suas experiências em ‘Transparent’ é um exemplo de liderança neste momento da nossa cultura”, disse Jill Soloway.


“Nós agradecemos pelo apoio da população trans, que abraçou nossa visão para ‘Transparent’ desde a concepção da série. Ficamos de coração partido por causa da dor e do sentimento de traição que a situação delas gerou na comunidade. Vamos tomar medidas definitivas para nos certificamos de que o ambiente de trabalho reflita a segurança e a dignidade de cada indivíduo, e estamos dando passos para nos curarmos como uma família”, completou a produtora em nota à imprensa.

Dessa forma torta, a série mais premiada da Amazon finalmente se equiparou à série mais premiada da Netflix. “House of Cards” também perdeu recentemente seu protagonista devido a acusações de assédio sexual. A produção da Netflix exibirá sua 6ª e última temporada sem Kevin Spacey.

Provavelmente, as duas séries também terão a mesma conclusão para os personagens excluídos: uma morte fora de cena.

O site da revista The Hollywood Reporter apurou que Jill Soloway teria solicitado para a Amazon um tempo maior para o desenvolvimento da 5ª temporada, visando estudar uma maneira de retirar a personagem Maura, interpretada por Tambor, da trama. A personagem é uma transexual novata da Terceira Idade, cuja transição de gênero pega a família de surpresa – e esta era a premissa inteira da série.



Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.



Back to site top
Change privacy settings