Hereditary: Terror mais elogiado do Festival de Sundance ganha trailer perturbador


O estúdio indie A24 divulgou o primeiro trailer, foto do elenco e o pôster de “Hereditary”, o terror mais elogiado do recente Festival de Sundance 2018, com impressionantes 100% de aprovação no site Rotten Tomatoes. A prévia também é impressionante, em sua capacidade de gerar cenas perturbadoras.

Entre as imagens de rituais, enterros e casa de bonecas macabra, sobram elogios da crítica, como uma ousada comparação da Time Out New York, que chama o filme de “‘O Exorcista’ da atual geração”. Aumentando a expectativa, o jornal USA Today o classificou como o “filme de terror mais insano em anos”.

O filme é escrito e dirigido pelo estreante em longa-metragens Ari Aster, e seu impacto tem sido comparado a outro longa que eletrificou Sundance e foi distribuído pelo A24: “A Bruxa” (2013). Aquele também foi um terror de diretor iniciante, que acompanhava uma família amaldiçoada. A maior diferença é que “Hereditary” se passa nos dias atuais.

A trama aborda a história de uma família que, após perder sua matriarca, começa a descobrir segredos inquietantes sobre sua origem. E quanto mais eles descobrem, mais tentam fugir do destino sinistro que podem ter herdado.

O elenco destaca Toni Collette (“xXx: Reativado”), Gabriel Byrne (“Mais Forte que Bombas”), Alex Wolff (“O Dia do Atentado”), Ann Dowd (série “The Handmaid’s Tale”) e a menina Milly Shapiro (a “Matilda” da Broadway, em sua estreia no cinema).


A estreia comercial está marcada para 8 de junho nos Estados Unidos e ainda não há previsão para lançamento no Brasil.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings