It: A Coisa já é a maior bilheteria do terror em todos os tempos na América do Norte

“It: A Coisa” continua pavoroso para seus concorrentes nas bilheterias da América do Norte. Em sua segunda semana, a adaptação de Stephen King fez simplesmente US$ 60 milhões, valor que a maioria dos lançamentos de Hollywood não consegue atingir em sua estreia.

A produção já deixou para trás vários recordes e começa a quebrar novos, ao chegar agora a um total de US$ 218,7 milhões, somados em apenas 10 dias em cartaz nos Estados Unidos e no Canadá. Com isso, atingiu – de forma incrivelmente rápida – a maior bilheteria doméstica do gênero terror em todos os tempos.

O recorde anterior pertencia ao clássico “O Exorcista”, com a marca de US$ 193 milhões em 1974. Claro que, na época, o preço dos ingressos era bem menor. Mas o sucesso de “It: A Coisa” não dá mostras de diminuir e pode chegar a valores que nem cálculos de compensação pela inflação poderão retrucar. A cada semana que passar, o filme vai ampliar seu recorde.

Seus US$ 218,7 milhões, por sinal, já derrubaram outro recorde: melhor arrecadação de um filme lançado durante o mês de setembro. E olha que o mês está apenas na metade.

No resto do mundo, os valores também são impressionantes. O longa dirigido por Andy Muschietti atingiu US$ 371,3 milhão ao redor do globo e deve ultrapassar os US$ 500 milhões nas próximas duas semanas.

Nunca é demais lembrar que a produção custou apenas US$ 35 milhões para ser realizada.

Os mais apavorados com a voracidade do filme monstruoso são os estúdios que tiveram lançamentos amplos nesta semana. A Lionsgate pretendia fazer de “O Assassino: O Primeiro Alvo” o começo de uma franquia de ação estrelada por Dylan O’Brien. O personagem do longa, Mitch Rapp, protagonizou 14 best-sellers do escritor Vince Flynn, que faleceu em 2013. Mas, apesar de abrir em 2º lugar, a estreia rendeu apenas US$ 14,8 milhões.

O estúdio agora vai considerar suas opções, levando em conta que “O Assassino” custou ainda menos que “It”, US$ 33 milhões, e teve uma abertura similar a “De Volta ao Jogo” (John Wick) em 2014. O longa estrelado por Keanu Reeves virou franquia, mas apenas porque o estúdio foi convencido pelas críticas positivas (85% de aprovação no site Rotten Tomatoes) de que uma continuação se aproveitaria do hype – o que de fato aconteceu. A má notícia é que as críticas de “O Assassino” foram negativas (33%).

Mas críticas são realmente tão importantes assim? Afinal, “Mãe!”, o novo filme dirigido por Darren Arnofsky e estrelado por Jennifer Lawrence, ganhou muitos elogios na imprensa (68% de aprovação), e mesmo assim foi considerado um dos piores filmes do ano pelo público, que lhe deu nota “F” no levantamento do CinemaScore. Pouquíssimos longas tem avaliação tão ruim, porque o público costuma gostar de tudo – é fato, basta ver as notas do CinemaScore.

Pois o público realmente odiou e o boca-a-boca negativo se provou um desastre para a produção da Paramount, que abriu em 3º lugar com apenas US$ 7,5 milhões. O valor é quase metade do que fez “O Assassino” e 12,5% do arrecadado por “It” nos últimos três dias. Também representa um recorde negativo na carreira de Jennifer Lawrence, como a pior bilheteria de estreia de sua filmografia – superando “A Última Casa da Rua”, que abriu com US$ 12,2 milhões em 2012.

A sorte da Paramount é “Mãe!” ser, supostamente, o lançamento amplo mais barato da semana, tendo custado US$ 30 milhões declarados. Mas há controvérsias a respeito deste número.

“Mãe!” e “O Assassino” agora vão duelar com “It” no Brasil, onde estreiam na quinta-feira (21/9). A diferença é que pegarão o palhaço Pennywise mais cansado, em sua terceira semana em cartaz, após liderar as bilheterias nacionais por dois fins de semana consecutivos.

Confira abaixo como se saíram os demais filmes que completam a lista das dez maiores bilheterias dos cinemas dos Estados Unidos e do Canadá. Clique nos títulos para ver os trailers de cada produção.

BILHETERIAS: TOP 10 América do Norte

1. It: A Coisa
Fim de semana: US$ 60 milhões
Total EUA: US$ 218,7 milhões
Total Mundo: US$ 371,3 milhão

2. O Assassino: O Primeiro Alvo
Fim de semana: US$ 14,8 milhões
Total EUA: US$ 14,8 milhões
Total Mundo: US$ 21 milhões

3. Mãe!
Fim de semana: US$ 7,5 milhões
Total EUA: US$ 7,5 milhões
Total Mundo: US$ 13,5 milhões

4. De Volta para Casa
Fim de semana: US$ 5,3 milhões
Total EUA: US$ 17,1 milhões
Total Mundo: US$ 17,1 milhões

5. Dupla Explosiva
Fim de semana: US$ 3,5 milhões
Total EUA: US$ 70,3 milhões
Total Mundo: US$ 70,3 milhões

6. Annabelle 2: A Criação do Mal
Fim de semana: US$ 2,6 milhões
Total EUA: US$ 99,9 milhões
Total Mundo: US$ 291,1 milhões

7. Terra Selvagem
Fim de semana: US$ 2,5 milhões
Total EUA: US$ 29,1 milhões
Total Mundo: US$ 29,1 milhões

8. A Bailarina
Fim de semana: US$ 2,1 milhões
Total EUA: US$ 18,6 milhões
Total Mundo: US$ 102,5 milhões

9. Homem-Aranha: De Volta para Casa
Fim de semana: US$ 1,8 milhão
Total EUA: US$ 330,2 milhões
Total Mundo: US$ 861,2 milhões

10. Dunkirk
Fim de semana: US$ 1,3 milhão
Total EUA: US$ 185,1 milhões
Total Mundo: US$ 508,3 milhões