Comerciais dublados mudam completamente a premissa da animação O Poderoso Chefinho


A Fox divulgou três comerciais dublados da nova animação “O Poderoso Chefinho”, que mudam completamente a premissa até então apresentada. A produção da DreamWorks Animation trazia em seu marketing inicial uma história bem próxima do livro infantil de Marla Frazee, em que se baseia, partindo da ideia comum entre pais de recém-nascidos de que bebês podem ser verdadeiros tiranos e dominar as atenções de uma família. Nos primeiros trailers, o bebê da trama se revelava, assim como no livro, um aspirante a mafioso, que usa terno, estala dedos, dá ordens e atira dinheiro sobre o irmão mais velho. Por sinal, o irmão era o único que achava isso esquisito, enquanto os pais ficavam simplesmente gugu dada pelo pequenino mandão.

Pois é. Os novos comerciais mostram que o filme não é nada disso. O bebê mafioso, na verdade, é um agente secreto. E ele não quer dominar a família. Em vez disso, está numa missão secreta para descobrir porque cachorrinhos estão ganhando mais atenção que os bebês. E o irmão mais velho vira seu aliado. Mudou tudo.

O que aconteceu? Será que esta sempre foi a premissa ou ocorreu uma adaptação de última hora, após testes de público terem rejeitado o bebê mafioso? Estranho.

Enfim, na versão original as vozes são de Alec Baldwin (“Blue Jasmin”) como o bebê, Lisa Kudrow (série “Friends”) como a mãe e Jimmy Kimmel (do programa “Jimmy Kimmel Live!”) como o pai.



O roteiro é de Michael McCullers (“Austin Powers”), a direção de Tom McGrath (“Madagascar”) e a estreia acontece em 30 de março no Brasil, um dia após o lançamento nos EUA.


Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.



Back to site top
Change privacy settings