Comercial dublado anuncia as maravilhas de A Cura, apesar dos efeitos colaterais serem um terror

 

A 20th Century Fox divulgou um novo comercial de “A Cura” (A Cure for Wellness), que marca o retorno do cineasta Gore Verbinski (franquia “Piratas do Caribe”) ao terror, 15 anos após “O Chamado” (2002). O vídeo foi divulgado durante o Super Bowl e chega em versões legendada e dublada, evocando uma propaganda de remédio. O problema da cura são os efeitos colaterais.

A trama acompanha Dane DeHaan (“O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro”), que vai a um spa sinistro para buscar seu chefe, cumprindo ordens de levá-lo de volta ao trabalho. Mas apesar da cortesia inicial, ele logo aprende, graças a uma paciente vivida por Mia Goth (“Ninfomaníaca: Volume 2”), que ninguém sai daquele lugar. Isto aparentemente o inclui, após um acidente fazê-lo estender seus planos de visita, deixando-o aos cuidados do médico interpretado por Jason Isaacs (o Lucius Malfoy, da franquia “Harry Potter”). Não demora e ele descobre que o local tem um propósito muito mais sinistro do que apenas servir os seus pacientes.

Na produção, Verbinski volta a trabalhar com o roteirista Justin Haythe, responsável por “O Cavaleiro Solitário” (2013), cujo fracasso abalou a carreira de ambos.

A estreia está marcada para 16 de fevereiro no Brasil, um dia antes do lançamento nos EUA.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Back to site top
Change privacy settings