Filha e ex-esposa defendem Johnny Depp das acusações de Amber Heard

Acusado de violência doméstica pela atriz Amber Heard, com quem foi casado por um ano e três meses, Johnny Depp recebeu o apoio de sua filha Lily-Rose Depp e de sua ex-mulher Vanessa Paradis. As duas escreveram mensagens em defesa do ator nas redes sociais. Paradis chegou a chamar as acusações de “injúria”.

“Em todos os anos em que conheci Johnny, ele nunca foi fisicamente abusivo comigo e isso (agressividade) não se parece em nada com o homem com que vivi por 14 anos maravilhosos”, escreveu ela numa carta, obtida pelo site de celebridades TMZ. “Johnny Depp é o pais dos meus filhos, ele é sensível e amoroso. Eu acredito, com todo o meu coração, que essas acusações recentes são injúrias”, disse a atriz e cantora francesa.

Já Lily-Rose, de 17 anos, usou o Instagram para se manifestar. Ela disse que o pai é “a pessoa mais doce e amável que eu conheço.” Ela não mencionou especificamente as alegações, mas disse que Depp “não foi nada além de um pai maravilhoso”.

Amber Heard pediu o divórcio na semana passada. Na sexta-feira (27/5), ela declarou em um tribunal de Los Angeles que Depp tinha abusado dela fisicamente e emocionalmente durante “todo o nosso relacionamento”. Ele apareceu no tribunal com um machucado em sua bochecha direita, que teria sido causado por uma agressão. Um juiz proibiu contato Depp de voltar para casa ou se aproximar de Heard até uma nova audiência marcada para 17 de junho.