Divulgação/Record TV

Autora descarta reunião de Rebelde BR: “Impossível reunir os seis”

A autora Margareth Boury descartou uma possível reunião dos atores da telenovela “Rebelde BR”, adaptação brasileira feita pela Record há quase 12 anos.

No mesmo caminho da versão mexicana, Margareth acredita que parte dos protagonistas estão em “outra vibe” e podem não se interessar por um reencontro focado no público adolescente. Algo semelhante aconteceu com o ator Alfonso Herrera, que decidiu se dedicar apenas a atuação.

“[É] perto do impossível a gente reunir os seis para reviverem alguma coisa. Não consigo imaginar os homens e mulheres maduros de hoje, que aqueles jovens se tornaram, cantando ‘sou rebelde para sempre’. Posso estar enganada, não consigo ver”, analisou ela.

Recentemente, o ator Arthur Aguiar embarcou na fama da turnê mundial do “RBD” e provocou um reencontro do sexteto. No entanto, a autora descartou um show nativo por conta do direito do uso da marca, como teria acontecido no México, onde rumores apontam que a cantora Anahí teve que “alugar” a marca.

“O Arthur tá falando por aí que vai ter show de ‘Rebelde’. Desculpa, mas não vai. Eles podem se reunir quanto Micael [Borges], Chay [Suede], Arthur, Sophia [Abrahão], Lua [Blanco] e Mel [Fronckowiak], mas é difícil, o que eles vão cantar?”, pontuou a autora.

De toda forma, o ator deu a entender que o grupo já teria discutido um retorno do sexteto. Resta aguardar para ver.