Instagram/Rodrigo Faro

Rodrigo Faro mostra transformação em Sílvio Santos para filme

Rodrigo Faro divulgou em seu Instagram as primeiras imagens em que aparece caracterizado como o apresentador Sílvio Santos para um filme.

A produção da Moonshot Pictures tem o título de trabalho de “Sequestro” e não é uma biografia do dono do SBT, mas um recorte das sete horas em que Silvio Santos foi mantido refém em sua própria casa, no Morumbi, bairro nobre de São Paulo.

O caso aconteceu em 30 de agosto de 2001, dois dias depois que a filha do empresário, Patrícia Abravanel, foi libertada de seu próprio sequestro – um caso que teve repercussão nacional. O apresentador foi feito de refém em sua casa por um dos bandidos do crime anterior.

Enquanto Faro tem 48 anos, Sílvio Santos tinha 71 quando o crime aconteceu, por isso o ator teve que passar por uma transformação, com maquiagem especial de envelhecimento e prótese capilar.

Ele postou algumas imagens do processo. Mas enquanto as fotos “finais” do Instagram registram o intérprete de longe, closes frontais surgiram nas redes sociais e não agradaram.

“A caracterização do Rodrigo Faro mirou no Silvio Santos e acertou no Quico”, comparou Renato Faustinone, no Twitter. “Faro está parecendo mais um cosplay do Carlos Villagrán, o Quico do Chaves, do que o Silvio”, reforçou o perfil TVlizando. E o influenciador William de Lucci ainda sugeriu: “Alguém avisa eles”.

O filme do sequestro tem roteiro de Newton Cannito (“Cidade dos Homens”) e Anderson Almeida (“Spectros”), e a direção está a cargo de Marcelo Antunes (“Polícia Federal: A Lei é para Todos”).

Ainda não há previsão de estreia.