Divulgação/Marvel

Primeiras impressões de “Thor: Amor e Trovão” seguem a linha “melhor filme da Marvel”

“Thor: Amor e Trovão” teve sua première oficial na quinta-feira (23/6) em Los Angeles, nos Estados Unidos, e, embora as críticas estejam embargadas, os comentários de quem assistiu ao filme na primeira sessão são bastante positivos.

A maioria das opiniões publicadas nas redes sociais são de blogueiros geeks, que ressaltam, como sempre, que se trata do “melhor filme da Marvel”. O consenso é que a produção oferece um “passeio divertido”, repleto de cenas bem-humoradas em suas cerca de 2 horas de duração. Há muitos elogios às sequências de ação e ao romance apresentados no mais novo filme da Marvel. Mas enquanto a maioria achou engraçadíssimo, também teve quem considerasse o humor um pouco forçado.

Natalie Portman (de “Cisne Negro”), Russell Crowe (“Gladiador”) e Christian Bale (“Batman: O Cavaleiro das Trevas”) foram os mais elogiados por suas performances, além do trabalho do diretor Taika Waititi (“Thor Ragnarok”). Já os Guardiões da Galáxia não parecem ter um papel muito destacado na produção.

Aparentemente há também duas cenas pós-créditos que são imperdíveis.

Confira algumas impressões compartilhadas nas redes sociais após a première.

“Mais uma aventura clássica de Thor! ‘Thor: Amor e Trovão’ é tudo o que eu queria que fosse. Grandes, coloridas e estranhas batalhas alimentadas pelo Guns N’ Roses com uma história irremediavelmente romântica sobre descobrir o amor em lugares inesperados. Christian Bale e Russell Crowe estão especialmente ótimos. E Korg!”, destacou Erick Davies, do site Fandango, que ainda pediu “um spin-off com as aventuras de Valquíria e a Poderosa Thor”.

“’Thor: Amor e Trovão’ entrega uma explosão vívida e vibrante. O Thor de Hemsworth continua sendo uma joia na coroa da Marvel. O Gorr de Bale é um bicho-papão assassino que mistura o excêntrico e o assustador. Foster de Portman e Valquíria de Thompson são uma dupla de alto nível. O Zeus de Crowe é a cereja do bolo”, tuitou o jornalista Simon Thompson, da revista Forbes.

Para Kirsten Acuna, correspondente do This Is Insider, “‘Thor: Amor e Trovão’ é ótimo! Eu ri. Chorei. Então eu ri e chorei um pouco mais, nessa ordem. Natalie Portman finalmente tem a devida relevância. A Dra. Jane Foster é mais do que digna de ser a Poderosa Thor”.

Rachel Leishman, editora assistente do site The Mary Sue, se emocionou tanto que soltou um palavrão: “Pta mrda! ‘Thor: Amor e Trovão’ é a mistura perfeita de Taika no seu melhor com comédia e um soco no estômago, tudo junto. /eu deixei este filme emocionalmente satisfeita enquanto também soluçava, é apenas perfeição. Amamos a trilha sonora de rock clássico. Nas palavras dos meus novos personagens favoritos: Ahh…”

Kevin Polowy, do Yahoo!, foi outro que abriu o bocão: “‘Thor: Amor e Trovão’ é fda pra caralho. Acho que é instantaneamente um dos meus filmes favoritos da Marvel – provavelmente porque é facilmente o mais engraçado, mas ainda assim me deixou engasgado no final. Espero que Taika Waititi nunca pare de fazer filmes do Thor”. E continuou: “Para a surpresa de ninguém, Christian Bale é incrivelmente bom, vilão de primeira linha do MCU. Mas espere até ver o ouro que Russell Crowe extrai como Zeus – é uma reinvenção cômica completa, na linha de Tom Cruise em ‘Trovão Tropical'”.

Tessa Smith, do Mama’s Geek e ScreenRant, também adorou, mas chamou atenção para a pequena participação dos Guardiões da Galáxia na trama: “‘Thor: Amor e Trovão’ é muito Taika Waititi! É selvagem, hilário, cheio de ação e até sombrio. Christian Bale é fenomenal como Gorr e Tessa Thompson arrasa! Prepare-se para amar as cabras! Não há Guardiões suficientes (eu sou parcial nisso). E uma das cenas pós-créditos é incendiária!”.

Editora do Fangirlish, Lyra Hale postou os elogios mais exaltados: “‘Thor: Amor e Trovão’ é o maior filme que a Marvel fez até agora! Eu não estou brincando. Eu não ria tanto desde ‘Ragnarok’ e me sinto investida na Marvel novamente de uma maneira que não me sentia desde ‘Ultimato’. Além disso, leve lenços. A jornada é perfeita do início ao fim!”.

Já André J. Salazar, do Discussing Film, fez as maiores ressalvas às piadinhas: “‘Thor: Amor e Trovão’ fica melhor quando não está tentando desesperadamente recapturar a magia do Ragnarok. A maior parte do humor não cai tão bem quanto da primeira vez, mas Chris Hemsworth, Natalie Portman e Christian Bale saem-se melhor com isso”, apontou.

“Thor: Amor e Trovão” estreia nos cinemas brasileiros no dia 7 de julho, um dia antes do lançamento nos Estados Unidos.