Divulgação/Netflix

Trailer de “Maldivas” questiona quem matou a mãe de Bruna Marquezine

A Netflix divulgou o trailer de “Maldivas”, produção nacional mais promovida pela plataforma em todos os tempos. Depois de fotos, pôsteres e teasers, o trailer apresenta a história, com direito à morte incendiária e suspeitas de crime. Em clima de novela, a trama gira em torno de um “quem matou”.

Maldivas é o nome do condomínio em que a goiana Liz (Bruna Marquezine) se infiltra para descobrir pistas da morte de sua mãe, incendida em seu apartamento. Lá, ela se depara com personagens exóticas, como Milene (Manu Gavassi), a síndica e rainha do Maldivas, com um corpo e uma vida aparentemente perfeitos junto ao marido, o cirurgião plástico Victor Hugo (Klebber Toledo), e Rayssa (Sheron Menezzes), uma ex-dançarina de axé convertida em empresária de sucesso, casada com o ex-vocalista de sua banda, Cauã (Samuel Melo).

Há também Kat (Carol Castro), uma mãezona cujo marido, Gustavo (Guilherme Winter), cumpre prisão domiciliar. E ainda estão na trama Verônica (Natalia Klein), uma outsider meio gótica que destoa das mulheres do Maldivas, Miguel (Danilo Mesquita), o noivo interiorano de Liz, e o detetive Denilson (Enzo Romani).

Para completar, o papel da mãe da protagonista é encarnado por Vanessa Gerbelli, que foi mãe de Bruna Marquezine quando ela era criança na novela “Mulheres Apaixonadas”, de 2003.

Produzida pela O2 Filmes e criada pela atriz Natalia Klein, “Maldivas” tem direção geral de José Alvarenga (“Divã”) e estreia em 15 de junho.