Divulgação/FIFA

Tragédia do 7 x 1 da Copa de 2014 vai virar comédia

A derrota humilhante de 7 a 1 do Brasil para a Alemanha na Copa de 2014 é uma das maiores tragédias da história esportiva do país, mas, como o tempo cura, agora será zoada numa nova comédia nacional.

Com o título sem rodeios de “7 a 1”, a produção vai contar a história de Túlia, uma apaixonada por futebol cujo avô tem um AVC, entra em coma no meio da partida e perde o desfecho do jogo. Quando ele acorda, a adolescente mente para animá-lo e diz que o Brasil venceu e passou para a final. Ela então junta os amigos para encenar um resultado diferente para o avô.

O tempo cura, mas não apaga.

A premissa da comédia brasileira lembra muito o filme alemão “Adeus, Lenin!”, que projetou a carreira do ator Daniel Brühl (o Barão Zemo do Universo Cinematográfico da Marvel) há duas décadas. No longa de 2003, uma senhora da Alemanha Oriental entra em coma durante os protestos contra o muro de Berlim e acorda meses depois sem saber que o comunismo acabou. Como o médico diz que ela não pode se agitar, o filho e os amigos encenam uma farsa para criar a ilusão da vitória comunista.

Com roteiro de Marcelo Andrade (“Amarração do Amor”) e direção de Pedro Amorim (“Eu Sou Mais Eu”), o nosso “Adeus, Felipão!” tem previsão de filmagem apenas em 2024, com produção da Migdal Filmes e da Ello Company.