Instagram/TheAcademy

Anthony Hopkins viverá Freud no cinema

Um ano depois de vencer o Oscar de Melhor Ator por “Meu Pai”, Anthony Hopkins viverá o pai da psicanálise, Sigmund Freud, no cinema.

O veterano astro britânico vai estrelar o filme “Freud’s Last Session”, adaptação de uma peça de mesmo nome, que está sendo roteirizada pelo autor original, Mark St. Germain.

A história se concentra numa discussão entre Freud e o jovem C.S. Lewis, escritor britânico que ficou conhecido por conceber “As Crônicas de Nárnia”.

Freud era crítico da religião. Lewis, um religioso fervoroso. Os dois discutem assuntos como sexualidade, fé e amor, com a narrativa alternando entre passado, presente e fantasia, sem nunca deixar o consultório de Freud.

A adaptação será dirigida por Matthew Brown (“O Homem que Viu o Infinito”).

Em comunicado, ele revelou que foi atraído pelo projeto por a trama representar a possibilidade de diálogo entre posições opostas. “Vivemos em uma época tão ideologicamente polarizada, onde todos estão presos em seus próprios grupos, sem diálogo real. Quero fazer um filme para todos os públicos que seja emocional, instigante e criativo. Um filme que levanta grandes questões enquanto investiga o que está no cerne da condição humana: amor, fé e mortalidade”.

“Freud’s Last Session” começará a ser filmado em Londres no segundo semestre, mas ainda não tem previsão de estreia.