Divulgação/Apple TV+

“Finch” vira maior sucesso da Apple TV+

A sci-fi “Finch”, estrelada por Tom Hanks, estabeleceu um novo recorde de audiência na Apple TV+ desde que estreou na sexta-feira passada (5/11).

Com lançamento em mais de 100 países, “Finch” teria dobrado seu público do dia de estreia no sábado e no domingo, gerando o fim de semana de maior audiência da Apple TV+ em todos os tempos – ou seja, em dois anos, desde o lançamento da plataforma.

Como a maioria das plataformas, a empresa não oferece números para servir de parâmetro, mas o site Deadline apurou que a trama apocalíptica se tornou o filme mais assistido da Apple TV+ ao superar um lançamento anterior de Hanks, “Greyhound”, que era o líder até então.

Foi a audiência de “Greyhound”, inclusive, que fez a Apple TV+ ir atrás de “Finch”. O longa deveria ter estreado em agosto nos cinemas com o título de “BIOS” e distribuição da Universal, mas acabou interceptado pela Apple, que adquiriu seus direitos para exibição em streaming.

Com direção de Miguel Sapochnik, premiado com o Emmy por seu trabalho monumental na série “Game of Thrones”, o filme traz Hanks como o protagonista Finch, um engenheiro de robótica e um dos poucos sobreviventes de um evento solar cataclísmico que transformou o mundo num deserto. Vivendo em um abrigo subterrâneo há uma década, ele construiu um mundo próprio, que divide com seu cachorro Goodyear. Por isso, decide criar um robô (dublado por Caleb Landry Jones, de “Corra!”) para cuidar de Goodyear quando ele não puder mais, esforçando-se para mostrar à sua criação a alegria e a maravilha do que significa estar vivo.

O longa tem produção de Robert Zemeckis, que curiosamente já dirigiu Hanks em situação parecida, como um náufrago isolado que tinha apenas a companhia de uma bola que batizou de Wilson, em “Náufrago” (2000). Tanto Wilson como Goodyear são marcas comerciais.

Graças ao sucesso de “Greyhound” e agora “Finch”, a Apple quer mais parcerias de Tom Hanks. Ele não estrela, mas produz “Masters of the Air”, minissérie dramática sobre a 2ª Guerra Mundial que já começou a ser gravada no Reino Unido e que a plataforma pretende lançar em 2022.

O sucesso da sci-fi também aponta o acerto da estratégia do serviço de, após produzir suas primeiras séries, voltar-se aos filmes. A Apple TV+ tem vários longas-metragens programados para os próximos meses, que podem, inclusive, superar o recorde de “Finch”.