Divulgação/Netflix

Astro de “Round 6” vai estrelar remake coreano de “La Casa de Papel”

A Netflix anunciou a produção de um remake sul-coreano de “La Casa de Papel” estrelado por Park Hae-soo, um dos protagonistas da trama de “Round 6”.

Ele terá o papel de Berlim, que na série original espanhola é vivido por Pedro Alonso. É o mesmo personagem que vai estrelar um spin-off recém-anunciado de “La Casa de Papel”.

Ainda sem título diferencial, o projeto parece ter sido criado no laboratório de Frankenstein dos algoritmos do streaming. Afinal, combina a história de sua segunda série mais bem-sucedida no mundo inteiro com o ator da atração mais vista da Netflix em todos os tempos.

Na atualização de seu ranking de audiência semanal nesta terça (30/11), a Netflix mostrou que, embora “Round 6” seja a série mais assistida de sua história, “La Casa de Papel” tem mais temporadas no topo. Abaixo do número impressionante de 1,6 bilhão de horas de “Round 6” há nada menos que três temporadas distintas de “La Casa de Papel”, ocupando 2º, 3º e 4º lugares entre os conteúdos de “TV” mais vistos da Netflix em todos os tempos.

A grande dúvida – e este é mais um teste da empresa – é se o público da plataforma, que assistiu em massa a “La Casa de Papel”, acostumando-se a acompanhar séries internacionais não faladas em inglês, vai topar assistir a mesma história novamente, tendo como atrativo a simples mudança de elenco e idioma – que continua não sendo inglês.

Os roteiros da adaptação sul-coreana estão a cargo de Ryu Yong-jae (“Invasão Zumbi 2: Península”) e a direção será realizada por Kim Hong-sun (das séries “Black” e “Voice”).

Novos integrantes do elenco devem ser anunciados nos próximos dias, com grandes possibilidades de incluírem outros atores de “Round 6”.

Já a série espanhola original, criada por Álex Pina, chega ao fim na sexta-feira (3/12) com o lançamento de seus cinco episódios derradeiros em streaming – equivalentes ao Volume 2 de sua Parte 5.