Divulgação/Globo

Próxima “Malhação” vai se passar na pior escola do Rio

A próxima temporada de “Malhação”, que irá ao no ano que vem, será diferente de todas as anteriores.

Inspirada pelo sucesso de séries de temáticas sociais realistas, como “Sob Pressão” e especialmente “Segunda Chamada”, a trama vai trocar a Zona Sul pelo Norte do Rio e se passar numa escola considerada a pior da cidade. Por essa razão, correrá o risco de ser fechada.

A trama vai mostrar a união dos alunos para que ela siga funcionando.

Além da mudança de locação, com inevitável troca de extrato social, o elenco também será bem mais diversificado. Mais de 70% dos atores serão negros. Isto é o contrário do habitual, como se pode comprovar pela foto que ilustra o post, com o elenco de “Malhação – Vidas Brasileiras” (2017).

Os responsáveis pela mudança são os irmãos Eduardo e Marcos Carvalho, gêmeos do Morro do Salgueiro que estreiam na emissora após vencerem o Candango de Melhor Direção com o curta “Chico” no Festival de Brasília de 2017.

O diretor da temporada será Paulo Silvestrini, que trabalhou na bem-sucedida “Malhação: Viva a Diferença”, premiada com o Emmy Kids Internacional e continuada no spin-off “As Five”.

Segundo a coluna de Patricia Kogut, do jornal O Globo, a produção já começou a fazer testes de elenco para encontrar os protagonistas: duas meninas e um menino.