Divulgação/GLAAD

Lilly Wachowski revela porque não voltou com a irmã em “Matrix 4”

A cineasta Lilly Wachowski, co-criadora de “Matrix”, revelou porque não quis voltar à franquia junto com a irmã Lana.

Durante participação do painel do canal pago Showtime no evento semestral da TCA (Associação dos Críticos de TV), Lily contou que recusou o convite para participar da criação e dirigir o quarto “Matrix” porque queria “retroceder” a um período tão distante de sua vida. Segundo a cineasta, a ideia de retomar a história de Neo passava uma “sensação desagradável” para quem tinha lutado lutado tanto para provar que era outra pessoa.

Wachowski disse que “não queria ter passado pela minha transição, toda essa perturbação na minha vida, o sentimento de luto pelos meus pais para voltar a algo que já fiz e meio que, andar por um caminho que já andei, parecia emocionalmente insatisfatório”.

“Meu mundo estava desmoronando, de certa forma, até quando eu estava ‘saindo da minha casca’”, afirmou a cineasta sobre o exaustivo período em que engatou filmagens seguidas de “A Viagem” e “A Ascensão de Júpiter”, quando revelou que era transexual como a irmã. “Eu precisava de um tempo longe da indústria e tomei essa decisão [de negar o projeto]”.

Em vez de “Matrix: Resurrections”, Lilly Wachowski comanda atualmente a série “Work in Progress”, da Showtime, que chegou à sua 2ª temporada no domingo passado (22/8).

Enquanto isso, sua irmã assina sozinha o novo filme, que será lançado nos cinemas em dezembro deste ano.