Divulgação/Marvel

Novo “Doutor Estranho” foi reescrito “do zero” por roteirista de “Loki”

O roteirista Michael Waldron, criador da série “Loki”, confirmou que também é o autor da história do novo filme de “Doutor Estranho”.

Em entrevista à revista Vanity Fair, Waldron contou que o filme recomeçou “do zero” depois da saída de Scott Derrickson, diretor do primeiro “Doutor Estranho”, e sua subsequente substituição por Sam Raimi (dos primeiros “Homem-Aranha”).

Contando que passou 2020 em reuniões virtuais com Raimi para determinar os rumos da trama, ele confirmou que quase nada foi aproveitado da história que Derrickson estava desenvolvendo, definindo o resultado como “uma diversão com a assinatura de Sam Raimi”.

Sem aprofundar detalhes, Waldron chegou a citar “Indiana Jones” como referência. “Ele é o Indiana Jones de capa para mim. Ele é um herói que pode levar um soco. Isso é o que tornou o herói de Harrison Ford tão grande”, exemplificou o escritor.

Waldron também elogiou o visual da produção. “O filme é visualmente emocionante e incrível”. Nomeando o diretor de fotografia John Mathieson, que trabalhou em “Gladiador” e “Logan”, o roteirista afirmou que “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” será diferente de tudo o que foi feito até agora no MCU (Universo Cinematográfico da Marvel, na sigla em inglês).

Em outra entrevista da maratona de divulgação de “Loki”, Waldron ainda contou ter trocado muitas ideias com Jac Schaeffer, que escreveu “WandaVision”, sobre como utilizar Wanda, a Feiticeira Escarlate, na continuação de “Doutor Estranho”.

“Sempre ligava para Jac para discutir a Wanda e tudo mais, porque acertar nisso e respeitar seu trabalho na personagem era muito importante para mim”, disse ao site Collider. “Dei garantia para Jac: ‘Ok, vocês fizeram essa série incrivelmente intimista sobre essa personagem que cresceu tanto. Vamos garantir que estamos honrando o trabalho ao contar um próximo capítulo satisfatório dessa história’.”

“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” tem estreia marcada para março de 2022.