Divulgação/ITV

“Sanditon” é renovada para mais duas temporadas

O canal público americano PBS anunciou a renovação da série “Sanditon” para mais duas temporadas.

Originalmente produzida para a TV britânica, “Sanditon” era considerada uma minissérie pelo canal inglês ITV, que não se empenhou em continuar a história depois de sua exibição em 2019. Mas desde então a atração se tornou um fenômeno internacional, com sucesso até no Brasil, onde foi recentemente disponibilizada pela Globoplay.

O PBS, que exibiu os primeiros episódios nos EUA, atendeu ao clamor dos fãs e assumiu a produção não apenas da 2ª temporada, mas também de um terceiro ano da série.

A trama é baseada no último romance não finalizado de Jane Austen (1775—1817), mais famosa escritora romântica de todos os tempos, autora de “Orgulho e Preconceito” e “Emma”, entre outros clássicos. Ela escreveu os 11 primeiros capítulos de “Sanditon” meses antes de sua morte, em 1817.

A história retrata Charlotte Heywood (Rose Williams, de “Reign/Reinado”), uma mulher espirituosa e impulsiva que se muda de sua fazenda para Sanditon, uma sonolenta vila de pescadores que está tentando se reinventar como um resort à beira-mar, e para isso precisa atrair turistas abastados.

A história inacabada já ganhou várias versões literárias, finalizadas por diferentes escritores – e até uma sobrinha de Austen. A adaptação da TV foi escrita por Andrew Davies, responsável pela versão da BBC de “Guerra e Paz”. Mas a história termina, como o romance, de forma abrupta, o que dividiu opiniões, originando uma campanha de fãs para uma 2ª temporada, que, já no ano passado, dava sinais de que deveria mesmo acontecer.

A continuação tentará manter o mesmo elenco e já confirmou a volta da atriz Rose Williams no papel da protagonista. Andrew Davies assumirá a produção e Justin Young, que escreveu quatro dos primeiros episódios, será o responsável por desenvolver o resto da história – inédita, pois ultrapassa a trama criada por Jane Austen – , que será conhecida nos próximos capítulos.

Para quem gostou de “Bridgerton”, a série é uma ótima opção de romance, intrigas e corações partidos em meio a aristocracia do século 19, com o diferencial de se passar num balneário idílico.