Divulgação/Netflix

Ator de “Animais Fantásticos” é condenado à prisão por agressão sexual

O ator Kevin Guthrie, que interpretou o Sr. Abernathy nos dois filmes da franquia “Animais Fantásticos”, foi condenado a três anos de prisão por agressão sexual.

O crime aconteceu em 2017. Guthrie esperava a mulher num bar com o também ator Scott Reid (da série “Carnival Row”). Mas ela não conseguiu chegar, achando que tinha sido vítima de um “Boa Noite, Cinderela” no bar em que estava, o que fez os dois correrem ao seu encontro para levá-la em segurança ao apartamento de Reid. A agressão teria acontecido quando Guthrie ficou sozinho com ela semidesmaiada, enquanto Reid buscava atendimento médico.

Guthrie negou as acusações, mas seu DNA foi encontrado nas roupas íntimas da jovem. Reid não foi implicado no abuso.

O juiz Tom Hughes, encarregado do caso, disse ao final do julgamento: “Você se aproveitou dessa mulher enquanto ela estava em uma posição vulnerável. Ela não estava bem e pensou que sua bebida tinha sido drogada em outro lugar naquela noite. O júri concluiu que você abusou de uma posição de confiança enquanto deveria estar cuidando dela. Sua situação está em contraste direto com a de seu amigo Scott Reid, cujas ações foram altamente recomendáveis. Ele correu para ajudá-la quando algo aconteceu e ele se importou com ela, tentando obter ajuda, deixando-a sob seus cuidados. Diante da conclusão do júri de que você cometeu esse crime hediondo, a única sentença adequada é a prisão.”

O caso acrescenta mais confusão às filmagens de “Animais Fantásticos 3”. Guthrie deveria aparecer no terceiro longa da franquia, mas ainda não há informações se suas cenas serão cortadas.

A prática já aconteceu na produção. A Warner também afastou o ator Johnny Depp, após ele ter trabalhado uma semana no filme, jogando suas cenas no lixo e refilmando tudo com Mads Mikkelsen (“Druk – Mais uma Rodada”) no papel do bruxo Gellert Grindelwald – que para sorte do estúdio já tinha demonstrado sua capacidade de mudar de aparência entre os dois primeiros longas.

O problema de Depp foi decidir travar uma batalha judicial, que perdeu, contra o jornal britânico The Sun, após ser descrito como “espancador de esposa”. O ator processou o jornal para refutar a afirmação, mas o julgamento serviu apenas para piorar a situação, trazendo à tona detalhes desabonadores de seu comportamento durante o casamento com Amber Heard. Ao final, o juiz do caso concordou com a publicação, aceitando 12 dos 14 relatos da ex-esposa de Depp como verdadeiros, incluindo a agressão que ela sofreu em sua festa de 30 anos e um outro incidente que a deixou com os olhos roxos. Ele também validou a descrição de Heard de um período de três dias de tortura, com “ataques contínuos e múltiplos”, enquanto o casal estava na Austrália para as filmagens do quinto “Piratas do Caribe”.

Tem mais. “Animais Fantásticos 3” é escrito por J.K. Rowling, criadora de “Harry Potter”, que também enfrenta seu próprio problema de relações públicas após assumir postura transfóbicas nas redes sociais. E ainda inclui em seu elenco Ezra Miller, mais um envolvido em polêmica, por suposta agressão a uma fã.

Por enquanto, a estreia segue marcada para julho de 2022.