Divulgação/DC Comics

Diretora de Bela Vingança fará adaptação dos quadrinhos de Zatanna

A cineasta Emerald Fennell, que no domingo (21/3) venceu o WGA Award (prêmio do Sindicato dos Roteiristas) e disputa o Oscar 2021 por “Bela Vingança”, definiu seu próximo projeto. Ela fechou com a Warner para escrever e possivelmente dirigir “Zatanna”, próxima adaptação dos quadrinhos da DC Comics desenvolvida pelo estúdio.

O filme tem produção de J.J. Abrams (diretor de “Star Wars: A Ascensão Skywalker”) via sua produtora, Bad Robot.

A personagem é conhecida por seu envolvimento tanto com a Liga da Justiça quanto sua versão sobrenatural, a Liga da Justiça Sombria, mas nunca apareceu no cinema. Anteriormente, a única versão live-action da heroína foi vista na antiga série “Smallville”, com interpretação de Serinda Swan.

Criada por Gardner Fox e Murphy Anderson, Zatanna Zatara surgiu em 1964 com um traje que evocava espetáculos de mágica, com direito a gravata borboleta e cartola, combinados com maiô e meias de arrastão. Filha de um poderoso mago, Giovanni Zatara, ela é considerada uma das feiticeiras mais poderosas do universo DC.

O projeto de Zatanna veio à tona há dez dias, quando, durante seu Dia do Investidor, a AT&T, proprietária da Warner, revelou planos ambiciosos para conteúdos da DC Comcs.

O contrato para escrever o filme da heroína mostra como a carreira de Fennell se alterou com a estreia de “Bela Vingança”, seu primeiro longa como diretora. A comédia de humor negro acabou se tornando a grande surpresa da temporada de premiações com cinco indicações ao Oscar, incluindo Melhor Filme e Roteiro Original.

Até essa repercussão, Fennell era mais conhecida como atriz, tendo interpretado Camilla Parker Bowles na série “The Crown”. Mas, paralelamente, já começava a chamar atenção como roteirista, assinando seis dos oito episódios da 2ª temporada de “Killing Eve” – trabalho que lhe rendeu indicação ao Emmy.