Divulgação/Netflix

De Volta aos 15: Maisa Silva encontra elenco de sua primeira série

A Netflix divulgou um teaser de “De Volta aos 15”, primeira série estrelada por Maisa Silva.

O vídeo com clima de reality show mostra o primeiro encontro virtual do elenco, com a revelação surpresa de Maisa no papel principal. O detalhe curioso é que a edição mostra os demais integrantes da produção como novatos entusiasmados por descobrir que trabalharão com Maisa. Mas ali no meio está Klara Castanho, que tem uma carreira tão precocemente longa quanto Maisa, e o galã juvenil João Guilherme. Os três já trabalharam juntos antes, no filme “Tudo por um Pop Star” (2018).

Além deles, Pedro Otonni também trabalhou com Maisa recentemente, na comédia “Pai em Dobro”, lançada pela Netflix há menos de um mês.

“De Volta aos 15” é um “De Repente 30” ao contrário, acompanhando uma mulher chamada Anita (papel de Maisa), que aos 30 anos não teve a vida que imaginava na adolescência. Ela queria sair da cidade pequena, viajar o mundo e conhecer muita gente, mas na verdade fez poucos amigos, foi morar em um apartamento pequeno e não tem vida amorosa.

Anita volta à cidade natal para o casamento da irmã e, depois de eventos desastrosos, se refugia no quarto onde passou a adolescência. É quando, como mágica, volta a ser uma adolescente de 15 anos.

A trama fantasiosa, originalmente apresentada no livro homônimo de Bruna Vieira, não é só fruto de muitas Sessões da Tarde (e de sessões da série “Do Over”, de 2002), mas também de leituras de Jane Austen, por transformar Anita numa típica Emma, que tenta consertar a vida de todos ao seu redor: de Carol (Klara Castanho), sua prima que está envolvida com o maior um boy lixo da cidade; de Luiza (Amanda Azevedo), sua irmã que vive presa no papel de princesinha da cidade; de César (Pedro Vinicius), seu novo amigo que precisa de coragem para ser quem é; e de Henrique (Caio Cabral), seu melhor amigo nerd que é secretamente apaixonado por ela. Só que cada mudança no passado impacta o futuro de todos – e nem sempre para melhor.

A adaptação para série foi desenvolvida por Janaina Tokitaka (“Spectros”) com produção da Glaz Entretenimento. Será exibida em seis episódios, mas ainda não ganhou previsão de estreia.