blank Divulgação/Warner

Críticas negativas transformam Mulher-Maravilha 1984 em “tomate podre”

“Mulher-Maravilha 1984” perdeu um pouco mais de sua aprovação crítica, chegando a 59% no Rotten Tomatoes, principal termômetro da crítica, por agregar e pontuar resenhas de cinema em inglês. Apesar de ter sido inicialmente certificado como “Fresh” (ou fresco) com 88% de aprovação dos críticos, novas resenhas foram adicionadas após o lançamento norte-americano e a nota despencou, fazendo o filme perder o selo de aprovação.

Pior que isso: com 59% o filme recebeu o selo de “tomate podre” – isto é, tornou-se desaprovado pela crítica.

Essa mudança impressionante de nota também demonstra como o entusiasmo dos fanboys pode distorcer a percepção de um filme. Resenhistas de blogs geeks chegaram a manifestar elogios rasgados à produção, ao registrarem suas “primeiras impressões” no Twitter. Eles também foram os primeiros a publicar suas críticas, colocando a nota do filme lá em cima e influenciando até a imprensa oficial. Mas após um começo entusiasmado, houve uma queda inédita de cerca de 30% na avaliação, que transforma “Mulher-Maravilha 1984” num caso de estudo.

Das 377 resenhas compiladas pelo site, 224 são positivas, enquanto 153 são negativas.

Como parâmetro do comparação, o primeiro “Mulher-Maravilha”, de 2017, teve 93% de aprovação.

Segundo avalia o próprio site, o consenso geral é que “’Mulher-Maravilha 1984′ luta com todo o excesso que acompanha uma sequência, mas ainda oferece um escapismo vibrante para satisfazer os fãs da franquia e da clássica personagem central”.

Além de estar disponível nos cinemas, o filme também foi lançado simultaneamente na HBO Max para o público norte-americano.