Reprodução

Tom Hanks doa sangue para pesquisa de vacina contra coronavírus

Apos se recuperarem do coronavírus, o ator Tom Hanks e sua esposa Rita Wilson querem contribuir como puderem nos esforços para combater a pandemia, e chegaram a doar sangue para a pesquisa médica que visa desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus.

A informação foi revelada pelo ator em um podcast da NPR (National Public Radio).

“Muitas das perguntas [são] o que fazemos agora? Existe algo que podemos fazer? E, de fato, acabamos de descobrir que carregamos os anticorpos”, contou Hanks. “Não fomos apenas abordados, mas dissemos: ‘Você quer nosso sangue? Podemos dar plasma?'”, completou.

Feliz por poder ajudar na luta contra a covid-19, que já matou mais de 200 mil pessoas no mundo, o vencedor do Oscar ainda sugeriu um nome para a vacina, caso ela seja criada a partir de seus anticorpos. “Hank-ccine”, disse o ator, unindo seu próprio nome com a palavra “vaccine” (vacina, em português).

Tom Hanks e Rita Wilson foram diagnosticados com a covid-19 no início de março, enquanto estavam na Austrália. Depois de passar por quarentena até superar os sintomas, o casal voltou para Los Angeles, onde segue em isolamento social.