Netflix bate recorde de cotação na bolsa de valores

Nem todo mundo está tendo prejuízo com o novo coronavírus. O isolamento social recomendado como prevenção contra a pandemia está rendendo altas históricas na bolsa de valores para a Netflix. Na manhã desta quarta (15/4), as ações da plataforma de streaming subiram 3,2% para fechar com o preço de US$ 426,75.

Trata-se do valor mais alto já alcançado pelas ações da Netflix em Wall Street, desde que passou a ser cotada na bolsa em 2002. O recorde anterior era de US$ 423,21, que ocorreu ao longo de um dia em junho de 2019. Já o resultado mais elevado ao final de um dia de cotação foi US$ 419 por ação, alcançado em julho de 2018.

Vale observar que, ao longo desta quarta, as ações da Netflix chegaram a ser cotadas em até US$ 434.

As ações da Netflix têm tido aumentos constantes no último mês, somando alta de mais de 40% no período. Com boa parte da população americana – e mundial – em casa, segundo protocolo de prevenção contra a covid-19, a plataforma experimenta uma valorização do seu serviço.

Durante a quarentena, a Netflix vem dominando conversas com sua programação inédita, a ponto da minissérie documental “Tiger King” (no Brasil, “Máfia dos Tigres”) virar um dos tópicos mais repercutidos das redes sociais após o seu lançamento. A produção teria sido vista por mais de 34 milhões de espectadores só nos EUA.