Irmandade: Série de facção criminal estrelada por Seu Jorge ganha trailer ao som dos Racionais

A Netflix divulgou o primeiro trailer de “Irmandade”, série nacional estrelada por Seu Jorge (“Cidade de Deus”) sobre uma facção criminosa nascida em presídios. A prévia cita nominalmente o ano de 1994, o que aproxima a Irmandade fictícia da data de fundação do PCC. Algumas das cenas chegam a evocar reportagens sobre rebeliões nos presídios paulistas convocados pelo PCC.

Ao som do rap prisional “Capítulo 4, Versículo 3”, dos Racionais MC’s, o trailer também apresenta o dilema da história, que surge quase como uma inversão de “Salve Geral”, filme de 2009 sobre o mesmo tema.

Na série, a advogada Cristina é pressionada a se reaproximar do irmão Edson, líder da Irmandade, para virar informante da polícia. Com as batidas e prisões que se seguem, outro líder da facção, Carniça, passa a desconfiar que há um rato (traidor) na organização, e o cerco começa a se fechar. Ao mesmo tempo, conforme se infiltra na Irmandade, Cristina começa a questionar seus próprios valores sobre a lei e a justiça, e entra em contato com um lado sombrio de si mesma que não imaginava ter.

Naruna Costa (“Hoje eu Quero Voltar Sozinho”) vive Cristina, Seu Jorge é Edson e Pedro Wagner (“Tungstênio”) interpreta Carniça.

O elenco também destaca Hermila Guedes (“Céu de Suely”) no papel de Darlene, esposa de Edson, e Lee Taylor (“O Mecanismo”) como Ivan, um detento oportunista afiliado à Irmandade.

A série foi criada pelo cineasta Pedro Morelli (“Zoom”), que divide a direção dos episódios com Gustavo Bonafé (“O Doutrinador”) e Aly Muritiba (“Ferrugem”), e conta com Felipe Sant’Angelo (“Pedro e Bianca”) como roteirista-chefe.

Com produção da 02, a 1ª temporada terá oito episódios que estreiam em 25 de outubro.