Alexander Skarsgård será o anticristo na adaptação de The Stand – A Dança da Morte, de Stephen King



A adaptação do clássico de terror “The Stand – A Dança da Morte”, de Stephen King, definiu mais um de seus intérpretes principais. Alexander Skarsgård vai reforçar o elenco da produção, desenvolvida como minissérie para a plataforma CBS All Access.

O astro vencedor do Emmy por “Big Little Lies” viverá Randall Flagg, um dos mais famosos vilões de King, que é nada menos que o anticristo.

Ele vai se juntar a James Marsden (“Westworld”), Amber Heard (“Aquaman”), Whoopi Goldberg (“Instinct”), Greg Kinnear (“House of Cards”), Odessa Young (“Assassination Nation”), o roqueiro Marilyn Manson (“Salem”), Jovan Adepo (“The Leftovers”), Owen Teague (“It: A Coisa”), Brad William Henke (“Orange Is the New Black”), Daniel Sunjata (“Graceland”) e o brasileiro Henry Zaga (“13 Reasons Why”), já confirmados na produção.

“The Stand – A Dança da Morte” se passa num futuro distópico, durante o extermínio da humanidade por uma praga de laboratório e a luta pela sobrevivência dos poucos que escapam do apocalipse, apenas para descobrir que o anticristo se prepara para eliminar o que resta da civilização. A batalha final se concentra entre os grupos liderados por Flagg e Mãe Abagail, uma sábia de 108 anos de idade, representante “do bem” vivida por Whoopi Goldberg.

A adaptação terá 10 episódios escritos e dirigidos por Josh Boone (“A Culpa É das Estrelas”). O cineasta estava desenvolvendo o projeto para o cinema, mas após anos de negociações e dificuldades de condensar a história, de fôlego épico, optou por uma versão em capítulos. Caso fosse fazer um filme, ele afirmou que precisaria de quatro longa-metragens. 10 capítulos têm basicamente a mesma duração.



Curiosamente, o romance de 1,1 mil páginas, publicado em 1978, é um dos poucos clássicos de King que nunca ganhou versão de cinema. Mas já foi transformado em minissérie, com um elenco grandioso (Gary Sinise, Molly Ringwald e Rob Lowe) e muito sucesso em 1994.

O próprio Stephen King escreveu um novo final (diferente do livro) especialmente para a produção.

A estreia vai acontecer ao longo de 2020 nos Estados Unidos.

Por curiosidade, vale observar que o irmão mais novo de Alexander Skarsgård, Bill Skarsgård, está atualmente em cartaz nos cinemas no papel e outro monstro icônico de Stephen King: o palhaço Pennywise em “It: Capítulo Dois”.


Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.



Back to site top
Change privacy settings