Série baseada no filme A Praia já tem roteiro “de explodir a cabeça”



O diretor Danny Boyle (“T2: Trainspotting”) voltou a falar do projeto da transformação de seu filme “A Praia” (2000) numa série. A ideia foi mencionada pela primeira vez em 2012, quando a Fox entrou na produção, e ganhou novidades durante entrevista desta semana para o jornal britânico The Independent, em que o cineasta revelou que o piloto já tem roteiro.

Boyle disse que a atriz, diretora e roteirista Amy Seimetz (criadora da série “The Girlfriend Experience”) escreveu um tratamento para a série, que ele descreveu como “de explodir a cabeça” (troque explodir por um palavrão para uma tradução mais literal).

“É muito intrigante quando você percebe o que Amy fez com os roteiros. Eu não sei se o canal FX terá coragem de produzir essa série para valer”, completou.

Curiosamente, a adaptação cinematográfica de “A Praia” não foi exatamente um blockbuster capaz de justificar a produção de uma série. Ao contrário, representa um dos maiores fracassos da carreira de Leonardo DiCaprio, apesar de lançado em plena dicapriomania, logo após o blockbuster “Titanic” (1997). Por seu papel, o ator chegou a ser indicado ao Framboesa de Ouro, premiação anual voltada aos piores do cinema.

O filme também teve a pior repercussão crítica da carreira do diretor Danny Boyle.

Com estas credenciais, fica difícil imaginar o que atraiu o cineasta de volta para a história. Talvez a amizade com o autor do livro em que a trama se baseia.



“A Praia” foi a primeira parceria de Boyle com Alex Garland. A adaptação do livro de 1996 serviu de cartão de visitas do escritor no cinema. Depois, os dois voltaram a trabalhar juntos no terror “Extermínio” (2002) e na sci-fi “Sunshine – Alerta Solar” (2007), antes de Garland também virar diretor de filmes.

Em 2000, DiCaprio interpretou Richard, um jovem aventureiro que, em viagem à Tailândia, encontra um misterioso mapa que promete levá-lo a uma praia paradisíaca. Ao chegar lá com dois companheiros de viagem, descobre que o local é realmente deslumbrante. E também centro de uma operação de tráfico internacional.

Segundo Boyle, a série acompanharia o mesmo personagem, 20 anos depois dos eventos do filme.

Confira o trailer abaixo para lembrar do filme, que também contou em seu elenco com os franceses Guillaume Canet (“Rock’n Roll: Por Trás da Fama”) e Virginie Ledoyen (“Adeus, Minha Rainha”) e o britânico Robert Carlyle (“T2: Trainspotting”).



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings