Netflix fecha contrato para adaptar mais quadrinhos da editora de The Umbrella Academy


O sucesso de “The Umbrella Academy” inspirou a Netflix a fechar um contrato com a Dark Horse Comics para adaptar outros quadrinhos da editora em séries exclusivas.

“Após o sucesso da The Umbrella Academy, estamos empolgados em estender nosso relacionamento com a Dark Horse Comics. As equipes da Netflix já estão trabalhando em profunda colaboração com a Dark Horse para identificar projetos além do mundo dos super-heróis tradicionais — ramificações em horror, fantasia e entretenimento familiar — que achamos que nossos assinantes vão amar”, disse a empresa por comunicado.

Entre os quadrinhos editados pela Dark Horse estão “Hellboy”, “O Máskara”, “Grendel”, “Concrete”, “Barb Wire”, “Ghost”, “Usagi Yojimbo”, “Groo”, “Next Men” e as publicações de Frank Miller: “Sin City”, “300”, “Give Me Liberty” e “Hard Boiled”.


A Netflix busca substitutos para suprir a ausência da Marvel em sua programação, e também anunciou recentemente a produção de “The Margic Order”, a primeira série derivada da editora Millarworld, do autor Mark Millar (criador de “Kick-Ass” e “Kingsman”).

Vale destacar ainda que a parceria entre a Netflix e a Dark Horse começou antes da estreia de “The Umbrella Academy”, com a publicação de quadrinhos de “Stranger Things” pela editora.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings