Novos vídeos de Pets 2 revelam o personagem de Harrison Ford



A Illumination divulgou mais dois pôsteres e trailers de “Pets – A Vida Secreta dos Bichos 2” centrados em personagens específicos. Um dos vídeos traz a cachorrinha Gidget, com voz de Jenny Slate (“Venom”), ensaiando como se comportar como um gato e também foi disponibilizado em versão dublada em português, enquanto o outro apresenta o cachorro Rooster, personagem novo que ganhou a voz de Harrison Ford (“Star Wars: O Despertar da Força”).

Fenômeno de bilheterias, o primeiro filme registrou o recorde de maior estreia de animação original na América do Norte em 2016, chegando a faturar US$ 875,4 milhões em todo o mundo.

No Brasil, o longa foi exibido com dublagens de Danton Mello (“Vai que Dá Certo 2”), Tatá Werneck (“Vai que Cola”), Luis Miranda (“Que Horas Ela Volta?”) e Tiago Abravanel (“Amor em Sampa”). Mas não foi divulgado se eles vão bisar seus papéis na continuação.

As vozes originais, entretanto, tiveram uma mudança importante, Louis CK (série “Louie”) foi substituído pelo humorista Patton Oswalt (“A.P. Bio”) no papel do cãozinho Max. O dublador original foi demitido da continuação após ser denunciado por abusos sexuais.

Os demais dubladores são os mesmos em inglês: Lake Bell (“De Volta para Casa”) com Chole, Kevin Hart (“Jumanji: Bem-Vindo à Selva”) como Bola de Neve, além de Eric Stonestreet (série “Modern Family”), Ellie Kemper (série “Unbreakable Kimmy Schmidt”), Bobby Moynihan (humorístico “Saturday Night Live”), Hannibal Buress (série “Broad City”) e Albert Brooks (“O Ano Mais Violento”). Já as novidades, além de Harrison Ford, incluem Tiffany Haddish (“Viagem das Garotas”), Pete Holmes (“Crashing”) e Nick Kroll (criador de “Big Mouth”).

“Pets – A Vida Secreta dos Bichos 2” também repete diretor e roteirista do primeiro filme, respectivamente Chris Renaud e Brian Lynch, e tem estreia prevista para 27 de junho no Brasil, 20 dias após o lançamento nos Estados Unidos.




Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings