Elenco e produtor se despedem de Shadowhunters, nos bastidores da gravação do último episódio

O elenco da série “Shadowhunters” usou as redes sociais para registrar suas despedidas da série do canal pago Freeform, que encerrou as gravações de seus episódios finais. A atração será concluída com a exibição de mais dois episódios especiais, projetados para terminar a história, com a adaptação do último livro da saga literária “Os Instrumentos Mortais”.

Em uma série de publicações, o showrunner Todd Slavkin, além de Katherine McNamara, Emeraude Toubia, Matthew Daddario e outros, registraram seus últimos momentos na produção, entre despedidas e agradecimentos.

Ainda assim, vai demorar para os fãs verem este final, pois ainda restam 10 episódios inéditos da 3ª temporada, que deveriam ser apresentados a partir de agosto, levando a história até o quinto livro de Cassanda Clare. Mas o Freeform decidiu adiar essa exibição para 2019, visando acompanhar os dois episódios recém-encomendados, que adaptarão o sexto e último romance da coleção, com o objetivo de apresentar uma transposição completa das obras da escritora.

A série vinha perdendo público e foi vista na atual temporada por uma média de 398 mil telespectadores ao vivo. Isto representa uma queda de 40% da audiência em relação à temporada anterior, vista por 648 mil. Entretanto, ainda são números maiores que os de “The Bold Type”, que foi renovada.

O chefe de programação do canal, Karey Burke, veio a público dizer que a razão do cancelamento foi “puramente econômica” e que os executivos estavam “muito felizes criativamente” com o programa, que inaugurou o canal em 2016, marcando a transformação do antigo ABC Family no atual Freeform.

Burke explicou que a decisão de cancelar a série aconteceu quando a Netflix não renovou seu contrato de exibição. Assim, o estúdio alemão Constantin Film, que produz “Shadowhunters”, pediu à Freeform para aumentar seu investimento na produção, que seria o único modo de equilibrar as finanças para continuar a série. “Nós negociamos com eles, mas no final não conseguimos fazer a parte financeira funcionar”, disse Burke, lembrando que a atração era uma das mais caras de sua programação.

Entretanto, com a produção dos episódios extras, “Shadowhunters” não deixará seus fãs no vácuo, como aconteceu, por exemplo, com “Beyond” no mesmo canal.

Esta consideração não impediu os fãs de ficarem decepcionados, a ponto de ensaiarem uma campanha de resgate, #SaveShadowhunters, que não obteve resultado.

“How lucky I am to have something that makes saying goodbye so hard.” – Winnie the Pooh. Truly, #Shadowhunters has been an angelic blessing. Playing Clary is an honor that has taught me more than I can express. She is strong, courageous, compassionate, badass, and broken, and I love every little imperfect piece of her. She will always be a part of me and I’d like to think I left a little part of me with her. Beyond that, the family created from the cast and crew, to the writers and producers, to you angels is something to be cherished. Being a part of a story that resonates for so many people and has a real positive influence on their lives is a rare gift and privilege that I will forever treasure. We have been breathing rarified air here in the Shadow World, whether or not we knew it. This experience is lightning in a bottle and I will spend the rest of my life trying to find it again. However, if you take anything with you from this, take this: the story doesn’t end here. It lives on and continues in all of us as we carry on the #ShadowhuntersLegacy as a group of people who stand for acceptance, love, and unity. Hail and farewell, angels. All my love . You know what they say… when one door closes… ?⚔️✨

Uma publicação compartilhada por Katherine McNamara (@kat.mcnamara) em