Scorpion é cancelada em sua 4ª temporada



A rede CBS anunciou o cancelamento de “Scorpion”, após quatro temporadas. O programa vinha perdendo audiência nos últimos anos, o que levou a emissora a decretar seu fim.

A 4ª temporada perdeu 2 milhões de telespectadores em relação à anterior. Mesmo assim, teve média de 5,2 milhões de telespectadores ao vivo. O problema foram os 0,8 ponto na demo (a faixa demográfica de adultos entre 18 e 49 anos, mais relevante para os anunciantes). Cada ponto equivale a 1,3 milhões de adultos na medição da consultoria Nielsen.

O último episódio foi exibido em abril nos Estados Unidos e terminou com um cliffhanger. Ou seja, assim como “Lucifer”, a série ficou sem conclusão.



Criada por Nick Santora (série “Breakout Kings”), a atração girava em torno do excêntrico gênio Walter O’Brien (Elyes Gabel, de “Guerra Mundial Z”) e sua rede internacional de supergênios, que formavam a última linha de defesa contra as ameaças terroristas da era moderna. A série foi criada por Nick Santora (roteirista da série “Prison Break”) e o elenco ainda contava com a cantora Katharine McPhee (série “Smash”).

A série foi um dos últimos projetos desenvolvidos em parceria entre os produtores Alex Kurtzman e Roberto Orci. Agora, apenas “Hawaii 5-0” mantém a dupla intacta em seus créditos. Desde o rompimento, Kurtzman dirigiu o fracassado “A Múmia” e ajudou a criar “Star Trek: Discovery”, enquanto os projetos solos de Orci permanecem inéditos.

Como curiosidade, “Scorpion” também tinha entre seus produtores Scooter Braun, o descobridor e empresário de Justin Bieber.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings